segunda, 27 de maio de 2024
Geral
07/05/2024 | 23:14

Com profissionais e equipamentos em várias frentes, Santa Catarina presta auxílio ao RS desde o início das fortes chuvas

CBMSC atuando na busca e resgate na cidade de Canoas (RS). O bairro de Mathias Velho foi um dos mais atingidos. Foto: Ricardo Wolffenbüttel/Secom
 
Desde que o Rio Grande do Sul começou a ser afetado pelas fortes chuvas dos últimos dias, o Governo de Santa Catarina se mobilizou para ajudar o estado vizinho. Por determinação do governador Jorginho Mello entraram em ação as secretarias de Estado da Proteção e Defesa Civil, da Saúde e da Segurança Pública, por meio das Polícias Militar, Civil, Científica e Penal, além do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina. O resultado é uma verdadeira força-tarefa criada para estender a mão aos irmãos gaúchos.
 
“É uma cadeia de solidariedade, de apoio, de torcida, para que a gente possa ajudar de verdade. A batalha não está nem no meio ainda. O povo de Santa Catarina olha pro lado sempre, a gente ajuda, a gente acolhe as pessoas. A solidariedade que a gente tem visto é de empresários, comerciantes, de pessoas comuns, de pessoas simples levando donativos pros centros de arrecadação. As pessoas perderam tudo, mas, com fé em Deus, temos que reagir, os gaúchos vão reagir, são um povo forte, destemido e tudo que estiver ao nosso alcance, nós vamos fazer. Eu disse ao governador Eduardo Leite (do Rio Grande do Sul) – e tenho dito sempre – para que conte conosco”, frisa o governador Jorginho Mello.
 
Nesta terça-feira, 7, uma das ações de destaque foi a logística organizada por Santa Catarina para fazer o transporte de medula óssea de um doador no Canadá para a realização de um transplante em um paciente gaúcho. O envio da medula óssea envolveu a logística da SC Transplantes e o transporte aéreo.
 
Ainda na área da saúde, já seguiram para o Rio Grande do Sul, 484 bolsas de hemocomponentes do Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (HEMOSC). Somente nesta segunda-feira, 6, foram enviadas 390, em duas ações realizadas pelo Governo de Santa Catarina. Tudo fruto da solidariedade do povo catarinense que compareceu aos postos de doação de sangue e contribuiu com a iniciativa.
 
O Estado de Santa Catarina também está presente na linha de frente de salvamento e ajuda humanitária. Até o momento, quase 2.800 pessoas e 377 animais foram resgatados por bombeiros ou policiais militares catarinenses.
 
O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) já está com a segunda equipe de Força-Tarefa (FT) em terras gaúchas. No total, são 47 bombeiros, 4 cães de busca, 12 viaturas 4×4, 17 embarcações, 11 motores de popa, 2 caminhões, 1 mini-escavadeira, 1 quadriciclo, equipamentos para resgate em áreas deslizadas e drones.
 
Polícias
 
Em outra frente, a Polícia Militar de Santa Catarina também auxilia o povo gaúcho com 1 guarnição do comando aeronáutico, com o Águia 07 e 1 guarnição da Polícia Militar Ambiental. A Polícia Civil também está presente com 11 policiais em apoio aos trabalhos de resgate, sendo 6 policiais civis em solo e mais a equipe do SAER Fron, em 1 helicóptero.
 
A Polícia Científica também enviou 9 Policiais Científicos, que vão ajudar na identificação das vítimas. Além disso, a Secretaria de Estado da Administração Prisional e Socioeducativa está representada por 30 policiais penais para auxiliar nas unidades do sistema prisional gaúcho.
 
Defesa Civil
 
A Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil também presta solidariedade auxiliando em duas áreas fundamentais: planejamento e execução das operações. Para isso foram destacados 4 profissionais para ajudar na logística do envio de auxílio humanitário para as cidades atingidas pelas chuvas, além de 3 veículos 4×4 para acesso a áreas alagadas.
 
Fonte: Governo SC

JORNAL IMPRESSO
24/05/2024
17/05/2024
10/05/2024
03/05/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS