quarta, 22 de maio de 2024
Geral
12/05/2024 | 18:36

Dragagem do rio Itajaí-Açu traz alívio e esperança para Rio do Sul e Região

O início da dragagem do rio Itajaí-Açu representa muito para quem mora no Alto Vale. É a retomada da esperança em dias tranquilos em que as chuvas não signifiquem, necessariamente, enchentes e tragédias. O histórico da cidade de Rio do Sul e região é de cheias que ceifaram vidas, destruíram casas, levaram patrimônio e o sonho de moradores ao longo dos anos.
 
Neste sábado, 11, era fácil encontrar olhares alegres, aliviados e até emocionados, quando o governador Jorginho Mello assinou a ordem de serviço para o começo das obras de dragagem do Rio Itajaí-Açu e deu início à limpeza, de dentro da draga sobre o rio.
 
“Nós precisamos dar alento às pessoas que moram aqui, que não vão embora daqui, que fiquem produzindo aqui, que sejam felizes aqui, porque o Alto Vale é uma pérola de Santa Catarina”, declarou o governador.
 
Observando o começo da dragagem de cima de uma ponte, Márcio Pires, morador do bairro Canoas, viu na ação um amanhã mais tranquilo para as próximas gerações. “Representa uma esperança. Eu ja perdi tudo e fico até emocionado, porque meus filhos não vão sofrer. De todos que falaram que iam fazer e nunca fizeram é o primeiro passo, creio que de muitos outros passos”, relatou.
 
As chuvas e perdas são recorrentes e dramáticas para quem vive na região. Um exemplo é Nelçi Terezinha Pereira, fundadora do grupo Unidos Venceremos, que batalha há oito anos por uma solução que traga segurança e paz para a população. Ela mesma já foi vítima das águas e perdeu os bens materiais em cinco episódios de enchentes. Agora vê na iniciativa o cumprimento de uma promessa.
 
“Eu tô assim muito feliz de ver que até que enfim vão olhar para Rio do Sul. O Jorginho é o terceiro governador que nós fomos pedir com 36.000 assinaturas e até hoje ninguém havia feito. Agora o Jorginho, que tá há um ano e pouco, ele já tá aí. Eu tô lutando com o meu grupo há oito anos. Então, para Rio do Sul é uma festa e eu tô assim tão emocionada, tão feliz. E para nós vai ser uma graça, porque o povo do Rio Sul tem muitos empresários e o povo vai ajudar porque quer que Rio do Sul continue sendo a capital do Alto Vale e não a capital das enchentes”.
 
 
Ainda no Centro de Inovação Norberto Frahm, onde foi realizado o ato, o governador Jorginho Mello, secretários de Estado, autoridades e a comunidade realizaram uma ação de plantio de mudas de árvores na margem do rio. O destaque foram as 50 crianças do projeto Defesa Civil na Escola. Acompanhada do mascote da Defesa Civil, o cachorro Radar, a criançada aproveitou a tarde com educação ambiental e um lanche especial.
 
O pequeno Gabriel Miguel, de 8 anos, estava com a lição na ponta da língua: “plantar árvore pra ajudar o meio ambiente e proteger a natureza”, disse ao lado do governador. “Não pode jogar coisa no rio por causa da sujeira e do meio ambiente”, explicou o pequeno Davi Ramos, de 9 anos.
 
 
Uma segunda ação foi realizada no Centro Cultural Lilly Brenner. As crianças e adolescentes da Guarda Municipal Mirim de Rio do Sul se juntaram ao governador Jorginho Mello em um mutirão para limpar a margem do rio. O grupo encontrou de tudo: roupas, sacos plásticos, sapatos, um ventilador velho, os restos de um colchão, entre outros itens, que inevitavelmente acabariam dentro das águas do rio Itajaí-Açu.
 
 
“A nossa cidade sofreu um grande impacto e por isso com a ajuda do nosso governador a gente está realizando essa limpeza. Eu acho que é muito bom pra nossa cidade. Eu como cidadã riosulense acho muito importante a gente estar limpando a nossa cidade pra ela voltar a ser uma das cidades mais belas de Santa Catarina. E desde criança eu amo muito essa cidade e é um prazer estar ajudando”, declarou a jovem Fernanda Nunes, de 12 anos.
 
 
A tarde que marcou o início dragagem do Itajaí-Açu, em Rio do Sul, teve ação educacional, cidadania, diversão com as crianças e terminou com mais um mutirão de limpeza, dessa vez no Parque Harry Hobus, com as crianças do projeto Protetores Ambientais Mirins.
 
Fonte: Governo SC

JORNAL IMPRESSO
17/05/2024
10/05/2024
03/05/2024
26/04/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS