segunda, 04 de março de 2024
Polícia
24/01/2024 | 09:25

Dona de hotel pet é presa em flagrante por manter animais em canil com cerca elétrica em SC

Na segunda-feira (22), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Proteção a Animais Domésticos do Departamento de Investigação Criminal da Capital (DPA/DIC), em operação conjunta com a Diretoria de Bem-Estar Animal (DIBEA) de Palhoça e a Vigilância em Saúde de Santo Amaro da Imperatriz, prendeu em flagrante uma mulher que mantinha animais em situação de maus-tratos, em sítio localizado no município de Santo Amaro da Imperatriz.
Entenda o caso
A Polícia Civil e os órgãos de bem-estar animal receberam denúncias, formalizadas em boletins de ocorrência, de que essa mulher recebia animais para hospedagem e, mesmo diante do pagamento para proporcionar os devidos cuidados, os cães estavam em péssimas condições de saúde e salubridade.
Inicialmente, a hospedagem dessa suspeita já havia sido fiscalizada nos municípios de Palhoça e de Rancho Queimado, onde houve notificação para adequações. Ocorre que, mesmo ciente das suas obrigações, a responsável mudou-se para local totalmente inadequado para a atividade, em Santo Amaro da Imperatriz.
Durante a diligência de fiscalização conjunta no local, os órgãos confirmaram as condições inaceitáveis em que se encontravam os cães. Os cachorros estavam em ambiente insalubre, sem acesso à água, alimentação e descanso adequado, nem abrigo contra intempéries climáticas. Alguns estavam presos em correntes e outros mantidos em espaço pequeno para a quantidade de animais. Existia até mesmo cerca elétrica para controle dos cães.
A responsável foi presa em flagrante pelo crime de maus-tratos qualificado, bem como foi nomeado depositário fiel para os cães, o qual deverá providenciar a imediata restituição dos animais aos tutores, até mesmo porque o ambiente foi interditado pela Vigilância em Saúde por ser impróprio para funcionar como hospedagem.
Formalizado o procedimento criminal na Central de Plantão Policial de Palhoça, a presa permanece à disposição do Poder Judiciário.

JORNAL IMPRESSO
01/03/2024
23/02/2024
16/02/2024
09/02/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS