terça, 27 de fevereiro de 2024
Geral
18/01/2024 | 17:56

Ferry boat entre Itajaí/Navegantes anuncia adoção de novo método de pagamento

O ferry boat que faz a travessia entre as cidades de Itajaí e Navegantes disponibilizará um método alternativo de pagamento da tarifa. A partir do dia 22 de fevereiro, os usuários do transporte terão a possibilidade de comprar a passagem antecipadamente via PIX, por meio de um aplicativo para smartphones. A medida anunciada pela empresa NGI Sul, responsável pela operação do sistema, atende parcialmente a uma antiga reivindicação dos passageiros e de lideranças políticas da região.
 
Atualmente, a aquisição dos bilhetes precisa ser feita de forma presencial, no próprio local, com a utilização de dinheiro em espécie, o que há muitos anos gera contestação por parte da população, tendo em vista o uso cada vez mais reduzido de papel-moeda no comércio. O tema foi debatido exaustivamente durante audiência pública promovida pela Assembleia Legislativa (Alesc) em agosto do ano passado.
 
“Sem dúvida, a medida representa um importante avanço e vai ao encontro de uma das demandas que apresentamos ao Governo do Estado e à concessionária, que é a adoção de métodos mais modernos e ágeis de pagamento da passagem. Contudo, esse deve ser apenas o ponto de partida de uma série de mudanças que o serviço necessita. Seguiremos lutando por um transporte melhor e mais digno”, afirma o deputado estadual Napoleão Bernardes (PSD). 
 
Proponente da audiência pública, o parlamentar encabeçou a criação de uma força-tarefa, junto com membros do Tribunal de Contas do Estado e do Ministério Público Estadual, para cobrar providências e melhorias no ferry boat. Em dezembro, de acordo com Napoleão, a Alesc aprovou um projeto de lei que torna obrigatório a oferta de diferentes meios de pagamento nas travessias fluviais, como PIX e cartão de débito ou crédito. “Essa lei aguarda apenas a sanção do governador para entrar em vigor. Então, esperamos que, em breve, a concessionária passe a aceitar também cartão de crédito ou débito”, destaca.
 
O ferry boat entre Itajaí/Navegantes é operado há quase 40 anos pela mesma empresa, por intermédio de uma autorização do Governo do Estado. Como não há um instrumento contratual, o serviço oferecido é considerado precário e ocorre por tempo indeterminado, o que dificulta a sua devida fiscalização pelo poder concedente e pelos órgãos de controle. “Há uma decisão judicial que obriga o Estado a fazer uma licitação e firmar um contrato de prestação de serviço, estabelecendo direitos, deveres e mecanismos que permitam avaliar a sua qualidade. Cobraremos para que isso, de fato, aconteça neste ano”, finaliza Bernardes.
 
Como funcionará o pagamento via PIX?
Para utilizar o serviço, os usuários deverão baixar o aplicativo SI.GO, disponível na App Store ou Google Play, preencher o cadastro e selecionar as cidades de Itajaí/SC e Navegantes/SC, que aparecem juntas. Após concluir o processo de pagamento via PIX, um QR Code será gerado automaticamente. Com ele, o encarregado pela cobrança fará a leitura na tela do celular já dentro da embarcação. A concessionária recomenda que a compra seja feita enquanto os usuários estiverem na fila ou mesmo antes de se dirigir ao ferry boat.

JORNAL IMPRESSO
23/02/2024
16/02/2024
09/02/2024
02/02/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS