segunda, 04 de março de 2024
Economia
18/01/2024 | 17:40

Governador participa da abertura oficial da colheita do arroz em Massaranduba

Fotos: Eduardo Valente / GovSC
 
‌A 6ª abertura oficial da colheita do arroz foi realizada em Massaranduba nesta quinta-feira, 18, no Pavilhão de Eventos com a participação do governador Jorginho Mello.
 
“Temos um Estado rico em diversidade e o arroz é um cultivo que destaca Santa Catarina. Somos o segundo maior produtor do Brasil e a nossa produção tem regularidade. Estou aqui para prestigiar esse evento que mostra a força que o nosso arroz representa. Sei que tivemos um ano de 2023 difícil, com muitos problemas por conta das fortes chuvas, mas somos um povo resiliente e torço para que a colheita seja farta”, destacou o governador.
 
Como ato simbólico, Jorginho Mello subiu numa colheitadeira pilotada por seu Arnold Fauth, de 85 anos, sócio fundador da Cooperativa Juriti, para juntos darem início a colheita do arroz.
 
Até às 17h, o público vai poder acompanhar palestras, exposição de 40 empresas ligadas à agropecuária, além de 13 estações técnicas montadas no local, entre elas três da Epagri que oferecem informações para o produtor. Até o fim do dia são esperadas cerca de 1,5 mil pessoas.
 
O evento é realizado pela Epagri, em parceria com a cooperativa Juriti, Brazilrice, Sindarroz-SC e Ocesc.
 
“Para mim é muita alegria receber as pessoas nesse dia tão importante. Quero agradecer a presença de todos nessa festa que organizamos com muito carinho. Um agradecimento especial, ao governador Jorginho Mello, que veio prestigiar o evento. Isso prova que ele tem um zelo pela agricultura catarinense. O agronegócio tem força e o nosso pessoal é forte e unido. Temos muito amor pelo campo”, destacou o presidente da Cooperativa Juriti Orlando Giovanella.
 
O evento foi prestigiado por autoridades locais, estaduais, deputados e pelos senadores Jorge Seif e Jaime Maximino Bagattoli.
 
Capital Catarinense do Arroz
 
Massaranduba está entre os 10 municípios com maior produção de arroz de SC e ostenta o título de Capital Catarinense do Arroz. Também é em Massaranduba a Festa Catarinense do Arroz – Fecarroz, que acontece entre os dias 30 de abril a 05 de maio e está na 17ª edição.
 
“Este ano nós estamos sediando o evento e estou muito feliz em dizer que a criação dele foi uma ideia brilhante. Temos aqui a oportunidade de apresentar o nosso trabalho, de mostrar esse mercado que move a produção do arroz e oferecer informações de grande valia para o produtor. Em Massaranduba o arroz é a principal fonte de renda do município, ressaltou o prefeito, Odenir Deretti
 
Produção de arroz em SC
 
Santa Catarina é o segundo maior produtor de arroz do Brasil e o campeão em produtividade. O estado deve produzir 1.244.485 toneladas do grão na safra 2023/24, com uma produtividade média de 8.541 Kg por hectare. A área plantada será de 145.709 hectares.
 
Na safra 2022/23, a produção catarinense de arroz chegou a 1.264.922 toneladas, numa área plantada de 147.031 hectares. A produtividade média ficou em 8.603 Kg por hectare. Esse foi um recorde de produção e produtividade, ou seja, a maior quantidade produzida e maior produtividade já registradas no estado.
 
‌Arroz de qualidade
 
Para destacar ainda mais o trabalho do agricultor, 40% do arroz beneficiado em SC, está em processo de certificação para receber o SCC, o Selo de Conformidade Cidasc.
 
O SCC é uma certificação de processo: a empresa que beneficia produtos de origem vegetal adere ao programa do SCC, implementa um Sistema de Gestão de Segurança dos Alimentos (SGSA) e passa por auditoria. Se aprovada, recebe o selo. O Selo de Conformidade Cidasc indica para o consumidor que aquele produto é feito seguindo padrões de higiene e qualidade e que é seguro para o consumo.
 
Arroz em Santa Catarina
 
A cadeia produtiva desse grão tem grande importância social e econômica para Santa Catarina. São mais de 2 mil famílias envolvidas na produção, distribuídas em 88 municípios, cultivando o cereal em cerca de 146 mil hectares. O estado conta ainda com cinco cooperativas e cerca de 50 indústrias de beneficiamento, empregando mais de 50 mil pessoas.
 
Santa Catarina também é um importante estado produtor de sementes de arroz, com produtores organizados por meio da Associação Catarinense de Produtores de Sementes de Arroz. A Acapsa conta com 16 associados, com predominância de produção de variedades desenvolvidas pela Epagri.
 
Exportação em 2023
 
De janeiro a novembro de 2023, as exportações catarinenses de arroz e seus derivados somaram US$9,579 milhões, tendo como principal destino a Venezuela. Esse valor é mais que o dobro do total exportado em todo o ano de 2022 e representa cerca de 2,0% do total exportado pelo Brasil em 2023.
 
Fonte: Governo SC

JORNAL IMPRESSO
01/03/2024
23/02/2024
16/02/2024
09/02/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS