quarta, 28 de setembro de 2022
Política
14/09/2022 | 17:54

Primeiro bate-papo com candidatos ao Governo de Santa Catarina trouxe Jorginho Mello à ACII Itajaí

Além dos candidatos ao Governo de Santa Catarina, também estavam presentes os candidatos a Deputado Federal, Jorge Goetten e Deputado Estadual, Victor Nascimento. 
 
Durante o encontro, associados e público presente puderam fazer perguntas ao candidato do Partido Liberal, e entre os questionamentos Jorginho falou sobre o que fará em relação a situação do Porto da cidade, a finalização das obras das BR’s 101 e 470, a implantação da pista de cargas do Aeroporto Ministro Victor Konder, em Navegantes, além dos planos para o governo, caso seja eleito. 
 
A estrutura do encontrou seguiu com o roteiro pré estabelecido para todos os candidatos. No primeiro momento Jorginho Mello e a candidata a Vice-Governadora Marilisa Boehm tiveram cinco minutos, cada, para as apresentações. Depois o bate-papo seguiu com 25 minutos para as perguntas do público, 15 minutos para perguntas sobre Saúde, Educação e Segurança Pública, elencadas a partir do Plano de Governo do candidato, além de 15 minutos finais para que Jorginho apresentasse suas propostas.
 
Jorginho iniciou seu discurso falando que já está ciente das demandas para a região e que já se envolveu por inúmeras vezes com as reivindicações da população, como a situação do Porto. “Eu sempre defendi a concessão do Porto, menos a autoridade portuária, pois eu sei a importância que ela tem, e me manifestei sobre isso. Eu tenho um grande defeito, para alguns é virtude, de nunca ficar em cima do muro.” concluiu. 
 
O candidato do PL, respondeu ao questionamento da presidente da ACII Itajaí, Gabriela Kelm, em relação aos jovens. Em sua pergunta Gabriela quis saber sobre os planos do governo para que os jovens tenham uma formação empreendedora na escola. Jorginho falou em revolução na educação, e que em paralelo fará cursos de formação técnica, convênio com o sistema S, parceria com universidades comunitárias, investimentos em formação técnica, qualificação profissional, e afirmou que “Ele (o jovem) vai sair do segundo grau com condições de fazer a universidade de graça.” 
 
Na ocasião, foi falado sobre o setor pesqueiro de Itajaí. O Vice-presidente da Pesca da ACII Itajaí, Agnaldo Hilton dos Santos, indagou Jorginho Mello sobre as falhas do governo em relação ao setor, além disso entregou em mãos algumas reivindicações do Sindicato dos Armadores e das Indústrias da Pesca de Itajaí e Região, o SINDIPI.  “Hoje a pesca está junto com a Secretaria da Agricultura, muito apagada. Pela costa que a gente tem, pela importância da pesca, pelo que pode produzir, pelo que pode trazer para o Estado, eu vou fazer uma secretaria, eu vou separar. Não contratar gente, não precisa, eu vou remanejar gente”, afirmou o candidato.        
 
Representando os caminhoneiros da região, Janderson Maçaneiro, se manifestou e quis saber do candidato sua visão em relação aos incentivos fiscais às exportações para “Continuar evoluindo a pungência de importação e exportação  e o fluxo de transporte que temos aqui na região''. Jorginho por sua vez falou que “Nós temos que ver aqui em Itajaí um corredor, uma via portuária, isso vai ter que desapropriar, vai ter que ser bem estruturado, é uma obra em parceria com o governo federal, governo do estado, parceria com o Porto, para que a gente consiga desafogar isso aqui” e concluiu que “Eu quero fazer uma política de incentivo, não de proteção, mas de favorecimento de quem vai fazer uma política de importação, porque isso são divisas, é coisa que chega, que você pode aquecer o mercado, você aquece o transporte, você aquece o comércio, a indústria, a prestação de serviço, enfim, eu quero fazer uma política que combine com cada município nosso, com cada região.”
 
 
Para finalizar o encontro, foi apresentada aos candidatos a Campanha Confirma Itajaí. A ação é uma idealização de entidades da cidade, que buscam a conscientização da população para que nesta eleição votem em candidatos do município, buscando garantir a representatividade de Itajaí nos poderes Federais e Estaduais. E ainda, a conscientização da comunidade para que não anule ou vote em branco.
Também foi entregue a Cartilha Voz Única, que reúne demandas comuns que estão sendo trabalhadas em conjunto com várias ACI's da região. O Projeto tem como propósito levantar as necessidades e unificar a voz da classe empresarial em torno dos entraves ao desenvolvimento econômico do Estado, possibilitando subsidiar os planos de ação dos governantes. Com isso, transformar a reunião em um compromisso assumido pelos candidatos ao Governo de Santa Catarina. 
 
 
 
 
 

JORNAL IMPRESSO
23/09/2022
16/09/2022
09/09/2022
02/09/2022

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS