quarta, 24 de abril de 2024
Eleições
30/08/2022 | 14:50

Pesquisa mostra disputa à Presidência da República e ao Governo do Estado em SC

Os postulantes ao Governo de Santa Catarina têm uma missão decisiva neste início de campanha eleitoral: conquistar o voto do eleitor que ainda está em dúvida sobre quem escolher para o comando do Executivo catarinense. Na sondagem da Visão Pesquisas, realizada no período de 17/08 a 23/08, junto a 1.250 eleitores, o número de indecisos é significativo. Na consulta espontânea, sem a apresentação dos nomes dos candidatos, a parcela dos entrevistados que informaram não saber em quem votar ou não quiseram opinar chegou a 55,20% do total de respostas. Os mais lembrados foram o atual governador (8,56% dos entrevistados), seguido de perto por Jorginho Mello (8,40%). Foram lembrados, também, Gean Loureiro (4,40%), Esperidião Amin (1,92%), Décio Lima (1,52%), Jorge Boeira (0,32%) e Odair Tramontin (0,32%).

 

Pesquisa Estimulada

Ao apresentar aos entrevistados os postulantes ao Governo do Estado, com seus respectivos vices, a chamada pesquisa estimulada, o atual governador ainda se manteve na frente, seguido pela chapa do PL. Carlos Moisés (Republicanos)/Udo Dohler (MDB):15,84%; Jorginho Mello (PL)/Delegada Marilisa (PL): 14,24%; Esperidião Amin (PP)/Dalírio Beber (PSDB): 11,20%; Gean Loureiro (União)/Eron Giordani (União): 9,12%. Embora Moisés apareça numericamente à frente, pela margem de erro de 2,5%, há o empate técnico com Jorginho Mello. O mesmo ocorre com Gean Loureiro, tecnicamente empatado com o candidato do PP. A candidatura de Décio Lima (PT)/Bia Vargas (PSB) recebeu 6,64% das intenções de voto. Outros candidatos somaram 2,56%: Professor Alex Alano (PSTU)/Gabriela Santetti (PSTU) 0,88%; a candidatura de Jorge Boeira (PDT) 0,56%; Odair Tramontin (Novo)/Ricardo Althoff (Novo) 0,48%; Ralf Zimmer (PROS)/Ana Lúcia Meotti (PROS) 0,48%; Leandro Borges (PCO)/Jair Fernandes (PCO) 0,16%. Também na pesquisa estimulada, o número de indecisos ainda é bastante alto: 31,36%. Branco/Nulo/Não vai votar somaram 4,32%; Não Opinaram: 4,72%.

Segundo turno

Os diversos cenários pesquisados mostram uma disputa bastante acirrada entre os quatro primeiros colocados, tecnicamente empatados em função da margem de erro da pesquisa. Em todas as simulações de segundo turno, permanecem elevados os números de indecisos, de brancos/nulos e dos que não pretendem votar em nenhum candidato. No confronto Moisés x Jorginho Mello, o candidato do PL aparece com 22% e o atual governador registra 21,28%. No duelo com Amin, Moisés soma 23,20% e o progressista 17,68%. Já no embate entre Esperidião Amin e Jorginho Mello, o postulante do PL contabilizou 22,40% e o progressista figurou com 18,08%.

Contra Gean Loureiro, o atual governador registra 23,28% das intenções de voto e o ex-prefeito de Florianópolis 17,28%. Na disputa com Décio Lima, Moisés chega a 26,24% e o petista a 10,72%. No cenário Amim x Décio Lima, o progressista registra 23,28% e o candidato do PT 11,36%. Na simulação Jorginho Mello x Décio Lima, o senador do PL aparece com 26,08% e o petista com 10,64%. No confronto entre Gean Loureiro x Décio Lima, o ex-prefeito de Florianópolis chega a 20,64% e o candidato petista a 12,56%.

Rejeição

A grande maioria dos entrevistados (79,44%) informou não ter nada contra qualquer candidato. A maior rejeição ficou com Décio Lima (7,12%). Na sequência, aparecem o atual governador (6,72%); Jorginho Mello (2,64%); Esperidião Amin (1,68%) e Gean Loureiro (0,56%).

Mudança de voto

A Visão Pesquisas consultou os entrevistados se a intenção de voto para o governo do estado era definitiva ou poderia mudar. 51,20% declaram um voto definitivo; 36,56% afirmaram que poderiam mudar de opinião; 12,24% não opinaram.

Numa parceria com a Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina - Adjori/SC, a Visão Pesquisas realizou a sondagem eleitoral com 1250 entrevistados de forma presencial, em municípios de todas as regiões do Estado, no período de 17 a 23 de agosto de 2022. A margem de erro é de 2,5% e o nível de confiança é de 95%. O número de registro da pesquisa no TRE/SC é BR-01423/2022. Mais informações sobre a pesquisa podem ser encontradas na página da Visão Pesquisas no endereço http://www.visaopesquisas.com.br/

Sobre a pesquisa

Numa parceria com a Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina - Adjori/SC, a Visão Pesquisas realizou a sondagem eleitoral com 1.250 entrevistados de forma presencial, em municípios de todas as regiões do Estado, no período de 17/08 a 23/08 de 2022. A margem de erro é de 2,5% e o nível de confiança é de 95%. O número de registro da pesquisa no TRE/SC é SC04411/2022. Mais informações sobre a pesquisa no site da empresa; http://www.visaopesquisas.com.br/

Ressalva

A Visão Pesquisa esclarece que durante a coleta dos dados prevista no registro da pesquisa, houve substituição do candidato Dr. Dalmo, devido à sua renúncia, pelo candidato Adilson Buzzi, na chapa com o candidato Jorge Boeira. Todavia, considerando que a pesquisa já estava acontecendo na data prevista no registro, não teria como realizar a alteração dos nomes, pois haveria dois tipos de questionários, invalidando o que já havia sido realizado até o momento. Assim, considerando, portanto, que a mudança no questionário mudaria também o planejamento da coleta, e em consequência plano amostral e as datas estipuladas no registro, seguiu-se a pesquisa conforme estava descrito no registro da pesquisa.

A disputa Bolsonaro x Lula em Santa Catarina

Na primeira sondagem realizada pela Visão Pesquisas, após a confirmação das candidaturas pelas convenções partidárias, o presidente Jair Bolsonaro (PL) aparece à frente de seu principal opositor Luís Inácio Lula da Silva (PT)

 

Na pesquisa espontânea, quando não se apresenta ao entrevistado uma lista de candidatos, o nome mais lembrado foi do presidente Jair Bolsonaro (PL), que recebeu 35,92% das citações, seguido pelo ex--presidente Lula, mencionado por 29,28% dos eleitores consultados pela Visão Pesquisas, no período de 17 a 23 de agosto, em municípios catarinenses de todas as regiões do estado.

 

Rejeição

Quando questionado em quais candidaturas o entrevistado Não votaria de jeito nenhum, 33,84% afirmaram não ter nada contra qualquer das chapas postulantes ao Executivo federal. A rejeição à dupla Lula/Alckmin somou 34,96% das respostas. Bolsonaro/Braga Netto é rejeitado por 29,12% dos pesquisados.

Segundo turno

A Visão Pesquisas sondou o cenário para segundo turno no confronto das chapas de Bolsonaro x Lula. O atual chefe do Executivo Federal aparece com 41,20% das intenções de voto e o petista com 35,68%. Indecisos somam 12,08%; Branco/Nulo/Não vai votar: 9,36%; Não opinaram 1,68%.

Mudança de voto

A possibilidade de mudança de voto também foi sondada pela Visão Pesquisas. Para 73,28% dos consultados, o voto é definitivo; 20,80% afirmaram que podem mudar de opinião e 5,92% não opinaram.

Sobre a pesquisa

Numa parceria com a Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina - Adjori/SC, a Visão Pesquisas realizou a sondagem eleitoral com 1250 entrevistados de forma presencial, em municípios de todas as regiões do Estado, no período de 17 a 23 de agosto de 2022. A margem de erro é de 2,5% e o nível de confiança é de 95%. O número de registro da pesquisa no TRE/SC é BR-01423/2022. Mais informações sobre a pesquisa podem ser encontradas na página da Visão Pesquisas no endereço http://www.visaopesquisas.com.br/

Senado

 

A Visão Pesquisas sondou a preferência do eleitor para a escolha do senador que irá representar Santa Catarina nos próximos oito anos. Dos nomes apresentados como candidatos ao Senado por Santa Catarina, o ex-governador Raimundo Colombo (PSD) aparece com larga vantagem: 22,72% das intenções de voto. Na sequência, aparecem Celso Maldaner (MDB): 9,20%; Dário Berger (PSB): 7,04%; Jorge Seif Jr. (PL): 4,40%; Kennedy Nunes (PTB): 2,88%; Afrânio Boppré (PSOL): 2,16%; Caroline Sant Anna (PCO): 2,00%. Também na escolha do senador, os indecisos são em grande número: 35,20% dos entrevistados ainda não decidiram o voto para o Senado. Brancos/Nulos/Não vai votar somaram 6,40% e não opinaram 6,08%.


JORNAL IMPRESSO
19/04/2024
12/04/2024
05/04/2024
29/03/2024

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS