quinta, 30 de junho de 2022
Turismo
10/06/2022 | 15:11

Para turistas, atrativos naturais, culturais, hospitalidade e serviços de lazer estão entre os principais destaques da Costa Verde & Mar (SC)

Saber a opinião do turista é a melhor forma de oferecer qualidade em serviços e atrativos. Por isso, a Costa Verde & Mar (SC) aplica anualmente a Pesquisa de Demanda Turística. Com os resultados divulgados na primeira quinzena de junho, a amostra apresentou as respostas de 4.195 pessoas, em entrevistas realizadas entre janeiro e março de 2022, durante a alta temporada de Verão nas nove cidades da região. Os turistas puderam avaliar cada um dos setores, apontar o que mais os atrai e o que precisa de melhorias. Entre os principais destaques estão os atrativos naturais (95,8% avaliações positivas), culturais (94,4%), a hospitalidade (94,3%), os serviços de lazer (94,7%) e de hospedagem (93,5%). “Na avaliação geral, 97,3% se mostraram satisfeitos com a estada, sendo que 98,3% recomendam para outras pessoas e 96,6% pretendem retornar”, conta a presidente do Colegiado de Secretários Municipais de Turismo, Noeli Thomé.
            Outros setores também ganharam uma avaliação positiva, atingindo mais de 80% de aprovação, como os serviços de compras (89,2%), segurança (87,6%), alimentação (87,4%), limpeza e conservação (85,4%) e a sinalização (83,3%). Os turistas também analisaram outros aspectos como o serviço de guarda-vidas, que registrou 77,6% de aprovação, o preço e a qualidade dos produtos (75,9%), e os acessos à região, com 74,4% das respostas classificadas como “muito bom/bom”.
A amostra também apresenta setores que, segundo a opinião do turista, precisam de melhorias. O trânsito foi apontado por 19,6% dos entrevistados como “péssimo”, 21,2% “regular” e 58,9% como “muito bom/bom”. Outros pontos que consideram de mais atenção é a necessidade de colocação de mais lixeiras pela região, ampliação no número de chuveiros e banheiros nas praias, aumento no número de vagas de estacionamentos e a busca pela melhoria da rede tratada, evitando assim a saída de água pluvial na orla.
 
Perfil e motivação
Além da avaliação do turista sobre a Costa Verde & Mar, a Pesquisa de Demanda Turística busca traçar um perfil de quem escolhe a região como o seu destino. Mais de 50% dos entrevistados são do gênero masculino e 49,1% feminino, sendo que a maioria (90,2%), disse estar de férias ou em busca de lazer. Ainda no que diz respeito ao perfil dos visitantes, 63,1% informaram que viajam com a família e/ou crianças. Sobre a ocupação, 29,7% são assalariados, 19,5% autônomos e quase 14% empresários. No quesito renda familiar, a maior parte dos entrevistados (23,6%), informou receber de 4,1 a seis salários mínimos por mês e 21,4% valores entre 6,1 e 10 salários mínimos. No quesito escolaridade, nota-se que 29,7% dos entrevistados têm ensino médio completo e 47,2% possuem ensino superior completo e/ou pós-graduação completa.
Com relação a origem, a maioria é de brasileiros, com 91,8% das respostas. Tradicionais visitantes da região, os argentinos correspondem a 5,5% e os paraguaios a 1,8% dos entrevistados. Sobre os estados, a pesquisa mostrou que o turismo de proximidade segue como tendência, atraindo 30,4% dos catarinenses, 24,3% dos paranaenses, 20,4% dos gaúchos e 8,7% dos paulistas. “Foi algo que surgiu nos últimos dois anos em função da pandemia, pois as pessoas optaram por buscar regiões próximas de suas casas, de fácil deslocamento e acesso”, comenta Noeli.
Os entrevistados ainda responderam sobre as acomodações, sendo que 29,7% escolheram ficar na casa de amigos ou parentes, 28,8% aluguel de casas ou apartamentos, 26,2% optaram por hotéis e pousadas e 13,8% se hospedaram na sua segunda residência. Os que realizaram reservas, mais da metade (57,4%), trataram direto com o proprietário e, entre as plataformas digitais, como Booking, Decolar e similares (11,4%) e AirBnB (11,2%). Com relação aos gastos, o total médio ficou em R$ 645 por dia, por grupo médio de oito pessoas. Já a permanência média foi de 10,4 noites.
 
Atrativos naturais em destaque
Outro ponto que a pesquisa apresentou é que a grande maioria (92%) se sente motivada a vir para a Costa Verde & Mar aproveitar os atrativos naturais, como as praias, cachoeiras, trilhas e recantos em geral. Os visitantes puderam ainda apontar o que mais gostaram, sendo que 46% destacaram as praias, 24% a tranquilidade local, 12% a limpeza, 8,7% a hospitalidade e 6,2% a natureza. Entre os entrevistados, mais da metade (53%), informou que aproveitou a proximidade entre as cidades para estender a visita para mais de um município que compõe a Costa Verde & Mar.
 
Dados gerais da Pesquisa de Demanda Turística da Costa Verde & Mar – Temporada de Verão 2022:
 
PERFIL DO PÚBLICO
 
Gênero:
Masculino - 50,9%
Feminino – 49,1%
 
Faixa etária:
18 a 25 anos – 8,1%
26 a 30 anos – 9,6%
31 a 40 anos – 27,2%
41 a 50 anos – 25,7%
51 a 65 anos – 23,1%
Mais de 65 anos – 6,3%
 
Escolaridade:
Fundamental incompleto - 4,6%
Fundamental completo - 5,4%
Médio incompleto – 2,6%
Médio completo – 29,7%
Superior incompleto – 9,2%
Superior completo – 26,8%
Pós-graduação incompleta – 1,3%
Pós-graduação completa – 20,4%
 
Ocupação:
Assalariado – 29,7%
Autônomo – 19,5%
Empresário – 13,9%
Aposentado – 12,4%
Funcionário público – 10,6%
Profissional liberal – 5,7%
Do lar – 3,4%
Outros – 4,8%
 
Renda familiar mensal:
Até 2 salários mínimos – 9,9%
De 2,1 a 4 salários mínimos – 18,3%
De 4,1 a 6 salários mínimos – 23,6%
De 6,1 a 10 salários mínimos – 21,4%
De 10,1 a 15 salários mínimos – 12,5%
De 15,1 a 20 salários mínimos – 5,9%
Mais de 20 salários mínimos – 6%
Não respondeu – 2,4%
 
País de origem:
Brasil – 91,8%
Argentina – 5,5%
Paraguai – 1,8%
Outros países – 1%
 
Estado de origem:
Santa Catarina – 30,4%
Paraná – 24,3%
Rio Grande do Sul – 20,4%
São Paulo – 8,7%
Mato Grosso do Sul – 1,9%
Minas Gerais – 1,5%
Outros estados – 4,6%
Outros países – 8,2%
 
ACOMODAÇÃO E VISITA:
 
Tipo de acomodação escolhida:
Casa de amigos ou parentes – 29,7%
Aluguel de casas/apartamentos/residenciais – 28,8%
Hotel/pousada – 26,2%
Casa própria (segunda residência) – 13,8%
Casa de excursão – 0,7%
Camping – 0,6%
Albergue/hostel – 0,2%
 
Como se deu a reserva:
Direto com o proprietário/estabelecimento – 57,4%
Booking/Decolar/similar – 11,4%
AirBnB – 11,2%
Imobiliária – 10,3%
Agência de viagens – 5,5%
Outros - 1,7%
Não sabe informar – 2,5%
 
Já esteve na região antes?
Sim – 75,7%
Não – 24,3%
 
Com quem viaja:
Com família e/ou crianças – 63,1%
Em casal – 20%
Sozinho – 10%
Amigos – 5,2%
Grupo organizado/excursão – 1,7%
 
Meio de transporte utilizado para chegar na região:
Veículo próprio – 79,5%
Ônibus de linha – 8,7%
Avião – 7,5%
Ônibus com grupo de excursão/fretado – 2,2%
Van/utilitário/micro-ônibus – 1,1%
Veículo alugado – 1%
 
Se respondeu avião:
Regular – 95,9%
Charter – 3,5%
Particular – 0,6%
 
Motivação da viagem:
Férias/lazer – 90,2%
Visita a amigos/parentes – 5,6%
Negócios/feiras/eventos – 3,3%
Saúde/cuidados médicos – 0,4%
Em trânsito – 0,2%
Educação/formação – 0,2%
Religião/peregrinação – 0,1%
 
Como conheceu a região:
Dicas de amigos/parentes – 43,7%
Já conhecia – 38,2%
Internet – 14,8%
De passagem – 2,8%
Televisão – 1,2%
Por suas atrações turísticas – 0,7%
No trabalho – 0,5%
Outdoor/folder/revistas – 0,4%
Feiras – 0,4%
Posto/centro de informações – 0,1%
Outros – 1%
 
Visitou outro município?
Sim – 53%
Não – 47%
 
O que motivou a visita ao outro município:
Lazer – 65,2%
Praias – 23,4%
Compras – 7,6%
Visita a amigos/parentes – 6,6%
Gastronomia – 4,6%
Cultura – 2,6%
Negócios – 2,4%
Não sabe – 1,4%
Esportes náuticos – 0,1%
Outros – 0,6%.

JORNAL IMPRESSO
24/06/2022
17/06/2022
10/06/2022
03/06/2022

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS