quinta, 19 de maio de 2022
Geral
03/05/2022 | 09:03

Prefeitura de Penha instala 10 câmeras com tecnologia para identificar placas e faces

O Governo Municipal de Penha deu início nesta segunda-feira, 2, à instalação de dez câmeras de monitoramento com a tecnologia de Reconhecimento Ótico de Caracteres (OCR) – que é capaz de fazer a leitura de placas de veículos e identificação facial de suspeitos. Elas estão sendo implantadas junto das câmeras do Programa Bem-te-vi, da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), incorporadas ainda ao Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS).

“Essas novas câmeras tem a incrível capacidade de realizarem uma verificação instantânea junto ao banco de dados do Estado, alertando as autoridades para veículos irregulares e até indivíduos com mandados de prisão em aberto”, detalha o prefeito, Aquiles da Costa. A Iniciativa está inclusa no projeto monitoramento urbano, o “Penha Conecta” – lançado em julho do ano passado e que atualmente conta com 200 câmeras conectadas.

O CEO da empresa responsável pelo fornecimento das câmeras, a Urbanii, Rubem Henrique Silva, reforça que “trata-se de câmeras que possuem inteligência artificial. Isso significa que os nossos servidores são capazes de reconhecer os objetos da imagem e categorizá-los. Por exemplo: se passa uma moto o sistema reconhece e é capaz de aferir uma série de registros de alerta com base na placa de identificação”. A gestão destas imagens é exclusiva da Secretaria de Segurança do Estado (SSP). 

Outro benefício das OCR´s, para a municipalidade, é a facilidade no acompanhamento dos veículos da frota da Prefeitura e serviços de concessionárias. “Elevamos consideravelmente o poder do nosso monitoramento, reforçando nosso compromisso com a população e ampliando nossa parceira com o Governo do Estado ”, acrescentou Aquiles. Nas próximas semanas, a Urbanii deve duplicar o número de câmeras na cidade.

“Nosso foco é tornar Penha a cidade mais monitorada do país, elevando consideravelmente nosso grau de segurança pública”, finaliza Aquiles. Junto ao CIOPS, a cidade possui cerca de 150 câmeras da empresa Urbanii e outras 40 já compartilhadas pela sociedade. No site www.penha.atende.net – na barra de rolagem superior – há o ícone do Penha Conecta. Nele, o cidadão ou a empresa interessada será redirecionada ao preenchimento de um formulário de adesão do programa.

No CIOPS, há dois funcionários que realizam o acompanhamento das imagens, atendendo demandas sociais – além disso, Polícias Civil e Militar têm acesso pleno às câmeras.  Por conta da LGPD, as imagens deixaram de ter acesso livre à sociedade. Para obter alguma situação em específico, é preciso apresentar um Boletim de Ocorrência e assinar um termo de comprometimento de sigilo com as imagens recebidas.

Fotos, Aleson Padilha


JORNAL IMPRESSO
13/05/2022
06/05/2022
29/04/2022
22/04/2022

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS