quinta, 23 de setembro de 2021
Geral
23/07/2021 | 13:54

BC: Secretaria da Pessoa Idosa lança projeto Meu Amigo Pet, com feira de adoção de animais

Idosos que quiserem adotar animais de estimação ou contribuir com a causa podem ir à Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) todas as sextas-feiras, das 10h às 17h. Nesta sexta-feira (23), será a primeira edição do “Meu Amigo Pet”, projeto que a SPI está lançando, em parceria com a Ong Viva Bicho, com o objetivo de incentivar a adoção responsável de animais de estimação por pessoas com 60 anos ou mais.
 
A Ong levará para a SPI (Rua 1822, nº 614, no Centro) animais adultos à espera de um lar. Para adotar, o idoso deverá levar documento de identidade, pois será elaborado um termo de adoção responsável. Se o idoso não quiser adotar, poderá tornar-se um padrinho, ou seja, levar o pet para casa nos fins de semana ou ainda contribuir com a ong doando ração, cobertores, entre outros donativos.
 
Com o “Meu Amigo Pet”, a SPI pretende possibilitar aos moradores dessa faixa etária os benefícios que a companhia de um animal de estimação proporciona, principalmente em tempos de isolamento social imposto pela pandemia de Covid-19, conforme a secretária Juliethe Nitz. Um pet deixa um ambiente mais alegre, aliviando estresse e ansiedade. Cães e gatos fazem diferença na vida social dos idosos. Eles ajudam a combater a solidão e a depressão, além de tirar o tutor do sedentarismo. Acolher e cuidar de um pet faz os idosos se exercitarem, pois é preciso brincar com ele, alimentá-lo e levá-lo para passear. Nas voltinhas com o animal pela rua, o idoso terá a oportunidade de interagir com a vizinhança e melhorar a coordenação motora (confira abaixo mais benefícios listados pelo projeto “Meu Amigo Pet”).
 
Benefícios que os pets proporcionam:
 
- Influenciam os idosos a cuidarem melhor da saúde e a praticarem exercícios físicos;
- Ajudam a combater a solidão;
- Melhoram o humor, ajudam a prevenir doenças, aumentam a disposição, ajudam na memória e saúde mental, oferecem mais segurança e favorecem a socialização;
- Ajudam a prevenir a depressão;
- Promovem sensação de bem-estar;
- Acariciar e ter uma relação de amor com um animal eleva os níveis de serotonina e dopamina no organismo, estimulando o relaxamento, baixando a ansiedade e irritação. Idosos que apresentam falha na memória ou têm um comportamento agressivo ou agitado são beneficiados com essa relação.

JORNAL IMPRESSO
17/09/2021
10/09/2021
03/09/2021
27/08/2021

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS