sexta, 24 de setembro de 2021
Educação
09/07/2021 | 09:18

Estudantes da Escola S de Itajaí são premiados em competição nacional de matemática

Os alunos foram premiados no concurso Canguru de Matemática Brasil, competição organizada pela Association Kangourou Sans Frontières, da França, que é considerada a maior competição de Matemática do mundo, com mais de 6 milhões de participantes por ano, representando cerca de 75 países.
 
As escolas do SESI em Santa Catarina, participam do Concurso desde 2017 e este ano, o desempenho dos alunos superou as expectativas. No final de março, 3.311 alunos de 17 escolas da rede SESI realizaram a prova. Destes, 400 alunos foram premiados, sendo três alunos com medalhas de ouro, 29 com prata, 36 bronze e 332 alunos com honra ao mérito. Participaram da competição alunos do 3º ano do Ensino Fundamental até os da 3ª série do Ensino Médio. No ano passado, 219 alunos de duas escolas realizaram a prova, que teve 26 alunos premiados.
 
Entre os estudantes premiados com medalhas de prata no Canguru de Matemática, está o estudante do ensino médio da Escola S de Itajaí, Felipe Sernajotto Miranda da Rosa, de 16 anos de idade. 
 
“Foi muito massa participar do Canguru de Matemática, pois me incentivou a estudar bastante já que a prova é bem concorrida e eu sou bastante competitivo. Mostrou também que podemos conquistar nossos objetivos, mesmo durante a pandemia, com o apoio dos professores. Tenho certeza que essa premiação vai ajudar muito no meu futuro profissional”, declarou o estudante. 
 
Além do Felipe, outros 16 estudantes da Escola S de Itajaí foram premiados com medalhas de Honra ao Mérito, entre eles Vitor Nascimento Maria, Raphael Eduardo Mendes Flor, Karina Bogo Andrieti, Kaue Soares Alexandre, Felipe Hayato Chino, Bernardo Vieira Gall, Gabriel Cesar Angelo, Kauan Seixas da Silva, Vitor Ortiz Lugli Silveira, Carolina Schneider Bodelon, Andrey Victor Zuquete, Kauan Henrique Jaraceshi Ramos, Vitoria Aparecida dos Santos, Amauri Giuseppe Sanhueza Maffezzol, Bernardo de Moraes Eleutério e Lucas Morell Lorenzetti. 
 
“Participar destas avaliações extraescolares, em nível nacional, e ter mais de 10% dos nossos alunos reconhecidos, com honra ao mérito ou prata, como foi o caso do nosso aluno, é muito satisfatório pra nós (...) A gente mostra aos nossos alunos, mesmo não estando no cenário que desejamos, mas com a limitações que a pandemia impõe aos alunos, às famílias, a escola, que a gente consegue se desenvolver nas atividades, nas competências e o aluno avança”, lembrou o supervisor do Ensino Médio SESI SENAI na Foz do rio Itajaí, Anderson Colla. 
 
O CANGURU DE MATEMÁTICA
O concurso Canguru de Matemática tem como foco ampliar e incentivar o desenvolvimento dos conhecimentos matemáticos, contribuir para a melhoria do ensino de Matemática em todos os níveis da Educação Básica, favorecer o estudo de maneira interessante, aproximando os alunos do universo da Matemática, e estimular a capacidade dos alunos de obter prazer e satisfação intelectual na resolução de problemas de Matemática
 
“Este resultado é o reconhecimento pela dedicação e estudo dos alunos. Porém, também é um conjunto de fatores que passa pelos docentes capacitados e sempre em busca do melhor para seus estudantes; pelas tecnologias digitais para aprendizagem na área de matemática, pois as aulas vão além do tradicional, com a inserção de projetos e o trabalho mão na massa (maker); e pela equipe pedagógica sempre disponível para as necessidades dos estudantes e dos pais, para entender melhor a particularidade de cada aluno”, conclui o diretor de Educação e Tecnologia, Fabrizio Machado Pereira.
 
 
LEGENDA DA FOTO: 
A medalha de prata do Ganguru de Matemática foi entregue ao estudante  Felipe Sernajotto Miranda da Rosa ( c) pela coordenadora de Educação Básica e Profissional do SESI/SENAI da Foz do Rio Itajaí, Roseméri Matiola (E) e a coordenadora Pedagógica e de Qualidade Educacional, Renata Teixeira Marins (D).

JORNAL IMPRESSO
17/09/2021
10/09/2021
03/09/2021
27/08/2021

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS