sexta, 24 de setembro de 2021
Educação
16/06/2021 | 18:52

Unidades de ensino homenageiam Itajaí pelos seus 161 anos

Nos últimos dias, as unidades escolares de Itajaí se uniram em um único objetivo: homenagear Itajaí pelos seus 161 anos de emancipação político administrativa, completados na terça-feira (15). Entre as ações alusivas, promovidas pelas escolas e creches do município, estão: contação de histórias, elaboração de textos e poesias, culinária típica, pinturas, apresentações artísticas e culturais.

No Centro de Educação Infantil (CEI) Cássia Schneider, do bairro Cordeiros, as crianças reproduziram a foto de Bico do Papagaio, um dos pontos turísticos da cidade, utilizando areia, bolinhas de isopor, grama, confete, lantejoulas, giz de cera e algodão. Os alunos também realizaram uma produção visual, colorindo a bandeira de Itajaí com diferentes técnicas (bolinhas de papel crepom e tinta guache) e fizeram pinturas em pratinhos de papelão, que foram transformados em peixinhos. Todo material foi exposto em um painel alusivo aos 161 anos de Itajaí.

“Nosso objetivo com essas ações é despertar nas crianças, desde cedo, o sentimento de admiração por sua cidade e que, assim, elas possam conhecer melhor o espaço em que vivem”, enfatiza Daiane Cristina da Silva, professora do CEI Cássia Schneider.

Também no bairro Cordeiros, os estudantes do Centro de Educação em Tempo Integral (CEDIN) Jacy Dias Ramos fizeram a leitura do hino de Itajaí, confeccionaram um painel e um quadro sobre um dos pontos turísticos da cidade, o farol. Outra creche de Cordeiros, o CEI Padre João Pivatto desenvolveu várias vivências com as crianças sobre o projeto: “Filho de peixe, peixerinho é”.

O CEI Profª Mauricélia André do Nascimento, do bairro Cidade Nova, se organizou para homenagear Itajaí por meio da culinária típica, vocabulário peculiar, pontos turísticos, futebol, pesca, barcos e arte. Cada turma escolheu um assunto e, a partir desta quarta-feira (16), haverá uma exposição com todos os trabalhos realizados.

Entre as vivências desenvolvidas na creche, as crianças aprenderam como é preparado um peixe, com a importante parceria da cozinheira da unidade; identificaram o vocabulário local, muito escutado no cotidiano dos pequenos; conheceram o artista Mayer Filho e suas obras, que se transformaram em painéis e brinquedos; montaram barcos, peixinhos, siris, o Bico do Papagaio e até a igreja Matriz. Os alunos ainda brincaram de pescaria, futebol e pintaram a camisa do Marcílio Dias.

“Temos a certeza que estes momentos ficarão marcados na memória das nossas crianças. Foi tudo planejado e preparado com muito carinho, pensado em cada detalhe que pudesse contribuir com o aprendizado e proporcionar experiências importantes”, comenta a supervisora escolar do CEI Profª Mauricélia André do Nascimento, Luciane Oliveira Leão.

A equipe do CEI Maria da Glória Stringari, do Espinheiros, também compreende que é importante que os alunos conheçam a história local para se sentirem parte dela. Por isso, na semana de aniversário de 161 anos de Itajaí, várias vivências foram realizadas. “Essas práticas possibilitaram, entre outras habilidades, descobrir os encantos dessa linda cidade”, comenta a diretora da unidade, Laís de Gregório.

Concurso de frases

Para comemorar o aniversário de Itajaí, o Grupo Escolar Guilhermina Buchele Müller, localizado na Fazenda, desenvolveu um concurso de frases. Ao longo das duas últimas semanas, alunos e professores se envolveram no projeto, que terminou na segunda-feira (14) com a presença da escritora Silvana Maria da Rocha. A artista contou um pouco da sua história e entregou a premiação, que foi um livro de sua autoria. Foram premiados um aluno de cada turma.

O Grupo Escolar Elisa Gessele Orsi, do bairro Fazendinha, também se engajou nas atividades comemorativas e realizou uma homenagem cívica com todas as turmas. Os estudantes cantaram o hino da cidade e os alunos do 5º ano apresentaram o jogral: Maravilhosa Itajaí. Já os estudantes do 5º ano, do período vespertino, apresentaram um poema ilustrado sobre a cidade.

“Penso que foi muito significativa a homenagem cívica realizada em nossa unidade. Homenageamos o nosso município, cultivando o ato de respeito e amor pelo lugar onde vivemos. A participação e envolvimento de toda equipe foi essencial”, diz Síntia Nara, diretora do Grupo Escolar Elisa Gessele Orsi. 


JORNAL IMPRESSO
24/09/2021
17/09/2021
10/09/2021
03/09/2021

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS