quarta, 14 de abril de 2021
Pandemia
01/04/2021 | 09:50

O Transtorno do Estresse Pós Traumático na Pandemia

Depois de um ano de Pandemia, toda a sua evolução e suas variadas consequências, hoje temos um panorama mais claro do impacto negativo que a saúde mental vem sofrendo. Já podemos constatar que o Transtorno do Estresse Pós Traumático, causado por todo este cenário, é uma realidade na vida de boa parte da população.
 
Segundo a Dra. Aline Machado Oliveira, Psiquiatra e Psicoterapeuta Junguiana, -O medo que é alimentado pelos noticiários fatalistas, o medo de morrer ou de perder algum familiar ou amigo, o medo de perder o emprego ou de entrar em falência, o medo da incerteza do futuro, enfim, todo este medo está sendo um dos grandes causadores de transtornos mentais nos dias atuais atingindo, em maior ou menor grau, toda a população.
 
O isolamento social, o fechamento do comércio e das empresas criam um efeito dominó e todas as suas consequências acabam impactando a vida de todos, sem exceção.
 
“Todos nós estamos vivendo algum nível de estresse em função da pandemia. No entanto, há pessoas que são afetadas por esse medo de maneira tão intensa, fora do normal, que acabam desenvolvendo um quadro de Estresse Pós Traumático” – explica a especialista.
 
Passado este tempo, hoje nos vemos obrigados a ter que lidar com os nossos medos que se tornaram reais. Por isso é de extrema importância que a pessoa que esteja vivendo essa situação, de medo intenso, procure por um profissional da saúde mental, para que assim seja orientada e tratada adequadamente.” - completa a Dra. Aline Machado Oliveira.
 
Os Profissionais Da Saúde Na Luta Contra A Covid19
 
Qual o maior desafio dos profissionais da saúde na luta contra a Covid19?
 
Muitas pessoas não fazem ideia da luta que os profissionais da saúde estão enfrentando diante da pandemia da Covid19. Esses profissionais, que estão na linha de frente dessa guerra que já dura um ano, longe de seus familiares, com sobrecarga de trabalho, estão enfrentando os velhos problemas de infraestrutura da saúde, somados a uma nova situação de pandemia a nível mundial.
 
Existem as cobranças, as incertezas do futuro e a preocupação com os familiares e amigos. Mas, principalmente, passam pela rotina diária de ter que conviver com a pandemia, atendendo pessoas infectadas e tendo que lidar com o desespero de seus familiares, e sua impotência diante dos óbitos. Todo este cenário que esses profissionais têm que encarar dia após dia acaba gerando um esgotamento físico, emocional e mental.
 
Houve um aumento de profissionais da saúde dentro dos consultórios de psicólogos e psiquiatras – “No meu consultório já atendi pacientes, profissionais da saúde, que desenvolveram o Transtorno do Estresse Pós Traumático, em função de toda essa situação” –   comenta a Dra. Aline.
 
E esses profissionais que vem sofrendo com traumas, vivenciando esse esgotamento mental devido ao seu trabalho, principalmente quem está na linha de frente na luta contra a covid19, deve sim procurar um psicólogo ou um psiquiatra para um diagnóstico mais preciso e para ser encaminhado para o tratamento mais adequado – orienta a psiquiatra.
 
Como Preservar A Nossa Saúde Mental Em Meio A Pandemia?

 

 

A Dra. Aline diz que é muito importante preservarmos a nossa integridade mental em meio às situações extremas, como no caso da pandemia e nos da algumas dicas:
 
-Primeiramente devemos evitar o excesso de noticiários, principalmente os fatalistas; aqueles que só enfatizam os óbitos, as especulações catastróficas e que não mostram as boas notícias, como os pacientes que se recuperaram, que foram curados e que venceram a covid19. Isso é pouco mostrado. Evite ficar em frente à TV se alimentado dessas informações negativas, repetidas diariamente. O excesso de noticiários não vai fazer falta na sua vida.
 
-Procure tirar o foco da pandemia. Assista filmes leves e divertidos, procure conversar com a família ou com os amigos sobre assuntos saudáveis, ainda que seja por chamada na internet, mas evite falar sobre a pandemia;
 
-Converse sobre assuntos que possam agregar, que possam motivar o seu dia a dia. Procure ler bons livros, aprender coisas novas.
 
-Valorize o que você tem, como a sua saúde, o seu emprego e o bem-estar da sua família. Mantenha o foco nas coisas boas, elas também estão acontecendo.
 
-E é importante também manter a esperança no futuro. Acreditar que tudo vai melhorar; que a pandemia vai passar e que você precisa estar preparado e com a sua saúde mental íntegra para continuar investindo em sua vida pessoal e profissional, enfim, para dar continuidade aos seus projetos, iniciar novos projetos e assim seguir o curso natural da vida. Conclui a Dra. Aline Machado Oliveira.
 
Caso você não consiga sozinho, não deixe de procurar ajuda profissional. Precisamos vencer o preconceito para estarmos bem no fim desta jornada, pois este dia também vai chegar.
 

 

CRÉDITOS:
 
A Dra Aline Machado Oliveira é médica psiquiatra e especialista em Psicologia Clínica Junguiana e Analista Junguiana em formação pelo Instituo Junguiano do Rio Grande do Sul. Membro da Associação de Psiquiatria do Rio Grande do Sul e da Associação Brasileira de Psiquiatria, atua há mais de 9 anos com psiquiatria clínica e psicoterapia.
 
Atendimentos presenciais na cidade de Lajeado, RS e Online para todo o Brasil.
 
www.psiquiatralineoliveira.com.br
 
instagram: @fala_psiquiatra
 
Canal Youtube: www.youtube.com/falapsiquiatratv

JORNAL IMPRESSO
09/04/2021
01/04/2021
26/03/2021
19/03/2021

PUBLICIDADE
+ VISUALIZADAS