segunda, 08 de março de 2021
GERAL
20/02/2021 | 17:27

Itajaí estuda implantação de sistema integrado de transporte público intermunicipal

Um modelo pioneiro no Brasil para a integração de transporte público entre as cidades da Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí (Amfri) foi apresentado na manhã desta sexta-feira (19) na sala de reunião do Gabinete do prefeito Volnei Morastoni, em Itajaí. A reunião trouxe técnicos e gestores do Município e da Associação para debaterem um Sistema de Transporte Coletivo Regional (STCR). A proposta envolveria as 11 cidades da região e teria aporte financeiro do Banco Mundial na implantação de um modelo sustentável de mobilidade.

?Itajaí, considerada como a metrópole da região da Amfri, é peça fundamental e central nesse novo modelo de mobilidade entre os municípios. É importante discutirmos e trabalhar em novos sistemas e estruturas para o futuro de toda a região?, avaliou o prefeito Volnei Morastoni. Pela proposta apresentada, o município integraria o eixo central dos deslocamentos formado por Itajaí, Balneário Camboriú, Camboriú e Navegantes.

O projeto prevê uma gestão consorciada (Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da AMFRI) e pretende ser o primeiro modelo de transporte coletivo do mundo com 100% da frota movida a energia elétrica. Com o aporte financeiro do Banco Mundial, a proposta deve implementar corredores exclusivos de ônibus (BRT ? ônibus de trânsito rápido) e eco pontos para a recarga do veículos elétricos.

Itajaí e Navegantes podem ter ponte ou túnel

Um dos pontos mais discutidos na reunião foi a construção de uma nova ligação entre Itajaí e Navegantes. A Amfri, em conjunto com o Banco Mundial, apresentaram as propostas da construção de uma ponte ou túnel entre as cidades como peça chave na revolução da mobilidade na região.

O Sistema de Transporte Coletivo Regional (STCR) da região da Amfri será apresentado a todos os municípios que compõem o território para a adequação e discussões. O prazo é iniciar a implementação do modelo com as melhorias de estrutura em 2024.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habilitação, Rodrigo Lamim, o sistema proposto pela Amfri vai complementar o projeto desenvolvido pelo Município de Itajaí. O edital do novo modelo de transporte público de Itajaí aguarda a aprovação de leis reguladoras na Câmara de Vereadores e será lançado em breve. 

Compartilhar
JORNAL