quarta, 23 de setembro de 2020
08/09/2020 - 16:56

Itajaí Sailing Team investe na capacitação de sua tripulação

O velejador Alexandre de Souza filho, tripulante do Itajaí Sailing Team (IST), concluiu a segunda etapa do Curso de Monitor de Vela, organizado pela Confederação Brasileira de Vela (CBvela). Ele já havia feito a primeira etapa do curso, que é pré-requisito para a Clínica de Nível 2, no início deste ano. Trata-se de um treinamento específico, padronizando e nivelando conhecimento sobre as melhores práticas e habilidades de ensino da vela para novos profissionais de modalidade, com pouca ou nenhuma experiência prática. Isso, porque a Clínica de Vela disponibiliza as ferramentas necessárias para o ensino, habilitando os instrutores.

?Esta etapa do curso aprofunda os conhecimentos já adquiridos para uma boa formação do Instrutor de vela, ensinando aos profissionais como desenvolver e gerenciar uma aula padronizada, com foco em práticas seguras, agradáveis e aprendizado dos alunos, com atividades de iniciação até treinamento para regatas?, diz o velejador. Ele destaca ainda que o curso integra os participantes ao quadro de Instrutores de Vela do Programa Nacional de Desenvolvimento da Vela (CBVela /PND), habilitando-os como instrutores de vela reconhecidos pela CBVela.

O manager e capitão do IST, Alexandre Santos, destaca a importância de investir na capacitação dos tripulantes, uma vez que o time itajaiense foi criado com o objetivo de difundir o aprendizado da vela e despertar novos talentos para essa modalidade esportiva, em Itajaí e Santa Catarina. ?O Alexandre de Souza filho é um exemplo disso?, acrescenta o comandante.

Xandinho, como é chamado pela tripulação, ingressou no time itajaiense de vela aos 14 anos, como velejador mirim, permanecendo neste posto até os 16 anos, quando passou a ser tripulante do IST. Hoje, aos 20 anos, além de tripular o barco de competições do time, o garoto é um dos instrutores da Escola de Vela do Itajaí Sailing Team. 

?Esse curso me fez perceber que preciso me aprimorar ainda mais, adquirir novos conhecimentos. Esses cursos me possibilitam trocar experiências, conhecer pessoas importantes, entender o real objetivo que é, além de saber lidar com uma criança no âmbito competitivo ou não, é fazer com que ela se torne um velejador?, acrescenta.

O projeto Itajaí Sailing Team tem o patrocínio da APM Terminals Itajaí, Portonave, Multilog, Platinum Log, Braskarne Terminal, Brasfrigo, Terminal Barra do Rio, Conexão Marítima e o apoio da Molim, B&G Sailing Eletronics, Nob Multisports e Marina Itajaí.

anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros