sexta, 10 de julho de 2020
05/06/2020 - 13:22

Confira as perguntas e respostas sobre o coronavírus

Município esclarece informações sobre testagem, isolamento domiciliar e cuidados preventivos

Para esclarecer as principais dúvidas da população, o Município de Itajaí elencou perguntas e respostas sobre diversos assuntos questionados pelos moradores. Entre eles: o funcionamento da testagem para diagnóstico da COVID-19, onde fazer o teste e quem pode fazer, tipos de testes disponíveis, medidas preventivas em caso de contato com pessoas positivas, bem como a forma adequada de fazer o isolamento domiciliar. Confira:

Onde são feitos testes de coronavírus no município?
O Município de Itajaí está realizando testes para diagnóstico de coronavírus em dois contêineres instalados no Centro Integrado de Saúde. No local, são oferecidos testes rápidos e PCR (coleta com cotonetes). Os exames são ofertados para pacientes sintomáticos, com indicação médica.
Além disso, na semana passada, começou a ser feita a aplicação de testes por amostragem na população em geral. Foram realizados 609 exames PCR no Centreventos e serão feitos ainda cerca de 2 mil testes rápidos em oito bairros do município durante o mês de junho. O objetivo é estimar a proporção de moradores que já estão com anticorpos para o coronavírus, além de avaliar a expansão do vírus e a estimativa de casos assintomáticos.

Quem pode fazer o teste para coronavírus no Centro Integrado de Saúde?
Pacientes sintomáticos mediante encaminhamento médico das UPAs e Centro Ambulatorial de Triagem. Pacientes encaminhados pelas Unidades Básicas de Saúde terão o teste agendado. Também são contemplados profissionais de saúde, segurança, salvamento, portuários e contatos de casos positivos que tenham sintomas, conforme critério da Vigilância Epidemiológica. Para fazer o teste é necessário encaminhamento do médico do município.

Não tenho sintomas, mas tive contato com uma pessoa com coronavírus. O que devo fazer?
O Ministério da Saúde orienta que deve haver isolamento domiciliar por 14 dias quando se mantém contato próximo com alguém infectado (ou com suspeita) e se apresentam alguns dos sintomas típicos do COVID-19. O contato próximo pode ser com pessoas que residem na mesma casa ou contato direto e desprotegido com secreções, por exemplo. Casos de contato eventual não necessitam de isolamento, porém as pessoas devem manter as medidas de higiene e prevenção, como distanciamento social, uso de máscara, álcool em gel 70% e não compartilhar objetos pessoais.

Tem uma pessoa com coronavírus no meu prédio/condomínio. O que fazer?
Os condomínios devem adotar as medidas de prevenção estipuladas pela Diretoria de Vigilância Sanitária Estadual. Os cuidados envolvem limitação de circulação de pessoas nas áreas de lazer e academia ou o agendamento de algumas atividades por famílias. Deve-se usar máscaras em áreas comuns, disponibilizar álcool em gel e manter o distanciamento social. Os funcionários também devem trabalhar com os devidos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs).

Fui na minha unidade de saúde e recebi encaminhamento para fazer o teste de coronavírus. Como devo proceder?
A unidade de saúde irá agendar o teste para coronavírus junto a Vigilância Epidemiológica, que informará ao paciente a data e o horário para comparecer ao Centro Integrado de Saúde para realização do teste.

Posso fazer o teste de coronavírus no meu bairro?
O Município está realizando uma testagem por amostragem nos bairros da cidade. Não serão informados locais, nem datas das coletas, porque o intuito é testar pessoas aleatórias para verificar a situação epidemiológica da cidade. Se você tiver sintomas da doenças, deve procurar o Centro Ambulatorial de Triagem no CIS.

Qual a diferença entre o teste rápido e o PCR oferecidos pelo município?
O teste rápido detecta os anticorpos produzidos pelo organismo contra o coronavírus a partir de uma amostra de sangue. Por isso, este teste deve ser somente a partir do 8º dia de sintomas da doença. O resultado sai em aproximadamente 30 minutos.

Já o exame RT-PCR detecta o vírus SARS-CoV-2 na amostra coletada nas mucosas do paciente, no nariz e na boca. Este teste identifica o vírus no período em que está ativo no organismo. O resultado é analisado pelo LACEN e sai em média em 3 dias.

Estou com sintomas de gripe. O que devo fazer?
Se você está com sintomas de gripe, fique em casa por 14 dias e siga as orientações do Ministério da Saúde para o isolamento domiciliar. Caso tenha piora nos sintomas procure o Centro Ambulatorial de Triagem ou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Centro Integrado de Saúde (CIS).

Há uma pessoa positiva na minha casa. Como fazer o isolamento domiciliar?
Pessoas com diagnóstico confirmado de coronavírus precisam ficar em isolamento domiciliar. Nestes casos, a distância mínima entre o paciente e os demais moradores da casa deve ser de 1 metro. No quarto usado para o isolamento, mantenha as janelas abertas para circulação do ar, a porta fechada durante todo o isolamento e limpe a maçaneta frequentemente com álcool 70% ou água sanitária. Em casas com apenas um quarto, os demais moradores devem dormir na sala, longe do paciente infectado.

Itens que precisam ser separados: O lixo produzido pelo paciente contaminado precisa ser separado e descartado. Toalhas de banho, garfos, facas, colheres, copos e outros objetos usados pelo paciente. Sofás e cadeiras também não podem ser compartilhados. Os móveis da casa precisam ser limpos frequentemente com água sanitária ou álcool 70%

Condutas para a pessoa contaminada: Utilize máscara o tempo todo. Se for preciso cozinhar, use máscara de proteção, cobrindo boca e nariz todo o tempo. Depois de usar o banheiro, nunca deixe de lavar as mãos com água e sabão e sempre limpe vaso, pia e demais superfícies com álcool ou água sanitária para desinfecção do ambiente.

Condutas de todos os moradores: Se uma pessoa da casa tiver diagnóstico positivo, todos os moradores ficam em isolamento por 14 dias também. Caso outro familiar da casa também inicie os sintomas leves, ele deve reiniciar o isolamento de 14 dias. Se os sintomas forem graves, como dificuldade para respirar, deve-se procurar orientação médica.

Se eu for diagnosticado com coronavírus, posso sair de casa?
Não. Pessoas com diagnóstico de coronavírus devem ficar em isolamento domiciliar por 14 dias, seguindo as orientações do Ministério da Saúde sobre a separação de objetos, uso de máscaras e distanciamento social. Se o exame foi realizado na rede pública municipal, os pacientes também recebem um termo de isolamento da Vigilância Epidemiológica e são monitorados até a alta.

Terça, 07 de julho de 2020
Gravatá vai ganhar Policlínica
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros