sábado, 22 de fevereiro de 2020
16/01/2020 - 19:11

Cultivo de ostras e mexilhões na Barra do Aririú e na Ponta de Baixo é interditado

A Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural comunica a interdição dos cultivos de ostras e mexilhões das localidades de Barra do Aririú, em Palhoça e da Ponta de Baixo, em São José, devido à presença de Escherichia coli (E. coli) acima dos limites permitidos. Desde quarta-feira, 15, está proibido retirar e comercializar ostras, mexilhões e seus produtos, inclusive nos costões e beira de praia dessas áreas.

            A medida foi necessária após exames laboratoriais detectarem a concentração de coliformes fecais acima dos limites permitidos nos cultivos de moluscos bivalves em apenas nessas duas localidades. Esse fenômeno é decorrente da combinação de chuvas e do maior número de pessoas visitando o Litoral catarinense.

            É importante ressaltar que essa é uma situação pontual, restrita às localidades de Barra do Aririú e Ponta de Baixo, e que não se aplica a outras 37 localidades produtivas. Nos locais interditados existem cerca de 15 maricultores de um total de 500 em todo o estado.

            A Cidasc segue com as coletas para monitoramento das áreas de produção de moluscos interditadas e arredores. Os resultados dessas análises definirão a liberação ou a manutenção da interdição das áreas afetadas. Os locais de produção interditados serão liberados após dois resultados consecutivos demonstrando que os moluscos estão aptos para o consumo.

            Santa Catarina é o maior produtor nacional de moluscos, com 39 áreas de produção distribuídas em 11 municípios do Litoral. O setor gera mais de 1.900 empregos diretos e a produção gira em torno de 13 mil toneladas de mexilhões, ostras e vieiras.

            Monitoramento constante

            Santa Catarina é o único estado do país que realiza o monitoramento permanente das áreas de cultivo. O Programa Estadual de Controle Higiênico Sanitário de Moluscos é um dos procedimentos de gestão e controle sanitário da cadeia produtiva, dando garantia e segurança para os produtores e consumidores.

Sexta, 21 de fevereiro de 2020
Dada a largada para o Carnaval de BC
Sexta, 21 de fevereiro de 2020
Nelson Abrão se filia no Progressistas
Sexta, 21 de fevereiro de 2020
MS Marina atraca no Porto do Rio Grande
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros