quinta, 14 de novembro de 2019
18/10/2019 - 16:05

Justiça autoriza que Município de Itajaí retome a posse de terreno dos Correios

Decisão em primeira instância foi publicada esta semana
O Município de Itajaí poderá retomar a posse do terreno onde ficava a antiga agência dos Correios, no Centro da cidade. A decisão favorável foi concedida esta semana pelo juiz federal Tiago do Carmo Martins em ação civil pública movida pela Procuradoria Judicial de Itajaí.
 
Desde 2017, a administração municipal busca meios de solucionar o abandono do terreno onde ficava instalada a sede dos Correios. A instituição deixou o local em maio de 2015 e, desde então, o prédio tem sido alvo de depredação e provocado transtornos à segurança e à saúde pública - com monitoramento constante de focos de dengue.
 
Após tratativas, sem sucesso, com a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) para tentar resolver a questão, em março deste ano a Procuradoria Judicial ingressou com uma ação civil pública para tentar reverter a posse do terreno ao Município. Isso porque, em 1940, a área foi doada à ECT para construção específica de agência dos Correios em Itajaí.
 
A doação foi oficializada pelo Decreto-lei nº 23 de 22 de outubro de 1940. O prédio foi construído e a agência funcionou por décadas. Entretanto, a Procuradoria defende que ao ser desativada deixou de existir a finalidade da doação. E o juiz federal teve o mesmo entendimento.
 
Além disso, a ECT ainda inseriu o imóvel numa lista de bens para venda, atitude que o juiz Tiago do Carmo Martins descreveu na sentença como uma tentativa de enriquecimento às custas da municipalidade, ?em total desvio da finalidade legalmente instituída na lei que rege a doação?.
 
?Assim, reconhecido o desvio de finalidade por parte da ECT, por não empregar o bem recebido em doação em fim diverso do legalmente previsto, deve a doação ser desfeita?, sentenciou o juiz federal.
 
Desta forma, ficou decretada a revogação da doação do imóvel, bem como determinada a reversão do bem ao patrimônio do Município de Itajaí, autorizada sua imissão na posse e alterações na matrícula do imóvel perante o 1º Ofício do Registro de Imóveis. A decisão foi publicada no dia 14 de outubro e a ECT pode recorrer.
 
O Município de Itajaí estuda qual a melhor forma de ocupar a área no Centro da cidade, entre as ruas Felipe Schmidt e Gil Stein Ferreira, para que este bem ofereça benefícios à população. 
Quarta, 13 de novembro de 2019
PM prende homem por furto em BC
Quarta, 13 de novembro de 2019
Inep divulga hoje gabaritos oficiais do Enem
Terça, 12 de novembro de 2019
Ressorteio no Detran-SC
Terça, 12 de novembro de 2019
Segunda Instância
Terça, 12 de novembro de 2019
Dois lados
Terça, 12 de novembro de 2019
Presidente da Alesc
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros