quarta, 23 de outubro de 2019
04/07/2019 - 09:39
Imagem cedida pela PM

Idoso de 74 anos comete suicídio após tentar matar a esposa de 71 anos a marretadas em Tijucas

Além disso, antes de se enforcar, o idoso tentou atear fogo na casa, mas vizinhos conseguiram apagar as chamas

A guarnição foi acionada via Copom em torno das 5h15 da madrugada desta quinta-feira (04) para atender uma violência doméstica contra mulher na qual o marido após agredir a esposa estava tentando atear fogo na casa. O caso aconteceu na Rua do Governo, em Tijucas.

Chegando no local a guarnição pode perceber que vários vizinhos estavam na frente da residência e estes informaram que o senhor M. D. N., 74 anos, tinha agredido a sua esposa a senhora M. M. N., 71 anos. A vizinhança tinha retirado M.M.N. da casa para lhe prestar socorro.

Conforme as testemunhas, ao chegarem na frente da casa achavam que se tratava até mesmo de um assalto devido aos gritos de socorro de M.M.N. Enfurecido, M.D.N. mandou todos irem embora pois a dona M.M.N. estaria "doente" conforme sua alegação.

Porém Dona M.M.N.  insistia por socorro e a vizinhança a retirou dos braços do Sr. M levando para uma casa vizinha, conforme o relato das testemunhas, enquanto estavam socorrendo dona M e ligando para Polícia Militar e para os Bombeiros. O Sr. M andava de um lado para o outro dentro da casa falando alto "o que eu fui fazer". As testemunhas perceberam que estava saindo fumaça do quarto da frente da casa do casal.

Entraram dentro da casa e viram que estava pegando fogo na cama pegaram baldes de água e apagaram foram até os fundos da casa e encontraram M. D. N. enforcado com fios de antena e assim cortaram os fios e o corpo dele permaneceu se debatendo.

A guarnição chegando no local percebeu que não apresentava sinais de batimento cardíaco e respiração quase simultaneamente chegaram os bombeiros que puderam constatar o óbito do Sr. M.

Dona M alegou que acordou com uma forte pancada na cabeça. Importante salientar que o Sr. M foi encontrado com uma marreta ao lado do seu corpo provavelmente instrumento em que tentou tirar a vida da esposa.

Salienta-se que o Bombeiro Militar esteve no local que a polícia civil foi acionada e que o IGP esteve no local.

anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros