quarta, 13 de novembro de 2019
02/07/2019 - 10:54

Willian Cardoso a caminho da África do Sul de patrocínio novo

Surfista vai encarar WQS de Balito e etapa de J-Bay

O surfista catarinense Willian Cardoso está a caminho da África do Sul para a disputa de dois eventos, o Balito Pro e o Corona Open J-Bay.

 

Etapa mais valiosa da divisão de acesso

 

A etapa do WQS será a primeira prime do ano, ou seja, a primeira a premiar o campeão com 10.000 pontos no ranking da divisão de acesso. Willian conhece bem a onda de Balito, em 2017 seu caminho foi pavimentado para a elite com o vice campeonato da etapa.

 

Direitas perfeitas em Jeffrey?s Bay

 

Nas direitas hipnóticas de J-Bay, encara a abertura da segunda parte do circuito da elite. Seu surfe de linha e potência encaixa nesse tipo de onda. Esta será a sexta etapa do circuito em 2019.

 

Panda de patrocínio novo

 

No início do mês de junho, Willian Cardoso foi apresentado como atleta do Portonave Surf Team, uma iniciativa do terminal portuário da cidade catarinense de Navegantes.

 

Formado por seis surfistas, o time é comandado por Willian Cardoso, de Balneário Camboriú, que compete pelo segundo ano na elite do circuito mundial, Matheus Navarro da praia brava e Alex Lima de Navegantes que disputam o WQS - divisão de acesso do circuito mundial. Figue Diel, surfista de Balneário Camboriú que perdeu a visão aos 16 anos e foi vice campeão mundial de surf adaptado é o representante na categoria. Completam o time o surfista Noah Machado, grommet da cidade de Piçarras de 13 anos que disputa os circuitos brasileiro e catarinense amador, além de Wagner Batista Cardoso, o Vavá, surfista amador e operador de veículo portuário na Portonave.

 

A Portonave é o maior terminal privado do Brasil, liderando também em números de movimentação de contêineres em Santa Catarina. Faz parte do complexo portuário da foz do Rio Itajaí-açu.

 

O pacote de patrocínios está alinhado ao apoio oficial da Portonave ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável Vida na Água (ODS 14) da ONU. Como embaixadores do tema, os atletas poderão ampliar o alcance de ações em prol da conservação dos mares e oceanos. Além dos surfistas, a Portonave patrocina também o projeto Somos do Mar Itinerante, que em agosto começa a percorrer toda a costa brasileira com educação ambiental e coleta de dados para uma extensa pesquisa sobre lixo nos mares do país. O Terminal apoia ainda outros dois projetos relacionados ao surfe: o Surfe nas Escolas, que leva a prática do esporte para crianças da rede municipal de Navegantes, e o Surfe sem Limites, projeto que levará aulas de surfe para pessoas com deficiência.

 

?Estou embarcando para a África do Sul com foco em atingir bons resultados. São duas condições de onda em que adoro surfar. Além disso o país é impressionante,? explica Willian. E sobre o novo patrocínio, complementa: ?estar em um time como este da Portonave é sensacional, acredito ser uma iniciativa inédita. Um novo parceiro que tem o mesmo pensamento que tenho com relação à preservação das águas e um novo conceito nesta jornada extremamente disputada que é o circuito mundial.?

 

Willian está no meio da tabela de classificação, na zona de requalificação para o ano que vem, porém busca melhorar seu desempenho e colocação no ranking final. Em J-Bay, vai atrás deste resultado.

 

O Panda tem o patrocínio de Santacosta, Anasol protetor Solar, Portonave Terminal Portuário, Santa Luzia, Snapy Surfboards, The Loft, Hike brava e Mendes Empreendimentos. Conta também com o apoio de Janga Brasil, Sunset Brew, Jam Traction, Feather Fins e Instituto Ippo.

Quarta, 13 de novembro de 2019
PM prende homem por furto em BC
Quarta, 13 de novembro de 2019
Inep divulga hoje gabaritos oficiais do Enem
Terça, 12 de novembro de 2019
Ressorteio no Detran-SC
Terça, 12 de novembro de 2019
Segunda Instância
Terça, 12 de novembro de 2019
Dois lados
Terça, 12 de novembro de 2019
Presidente da Alesc
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros