domingo, 17 de fevereiro de 2019
07/02/2019 - 10:25

Procon recebe explicações da Celesc sobre aumento na fatura de energia de consumidores catarinenses

De acordo com a distribuidora, aumento no consumo de energia é consequência de altas temperaturas

O Procon de Barra Velha por meio do Fórum Estadual dos Procons de Santa Catarina (FEPSC) recebeu resposta da Celesc Distribuidora de Energia na quinta-feira (31), após envio de ofício solicitando esclarecimentos pelo aumento na fatura de energia elétrica de consumidores catarinenses. De acordo com o documento emitido pela concessionária, o aumento nos valores se dá por conta das altas temperaturas, o que resultou na elevação do uso de energia.

A nota enviada pela Celesc aponta o uso de eletrodomésticos como o principal motivo para o aumento da fatura e que "os números e indicadores reforçam que o aumento na conta de luz se deve, basicamente, ao maior consumo de energia elétrica". Em janeiro de 2019, a Celesc registrou recordes de consumo por quatro vezes consecutivas. Segundo informações enviadas ao FEPSC, a empresa registrou consumo de 4.875 MW no dia 15, 4.989,82 MW no dia 16, 5.030 MW no dia 17 e 5.243 MW no dia 29 do mesmo mês, o que aponta o maior consumo já registrado em 60 anos.

Outro fator indicado pela distribuidora de energia para o aumento da conta de luz é "uma maior incidência de tributos face a mudança de faixa de consumo para o cálculo das cobranças, como ICMS/PIS, COFINS e COSIP que podem variar de mês a mês", aponta a distribuidora.

Diante das explicações emitidas pela Celesc, o Procon de Barra Velha informa que clientes insatisfeitos com o valor da fatura serão orientados a procurar os canais de atendimento da Celesc e, caso seja necessário, o Ministério Público. O Procon Municipal não registrará mais reclamações neste sentido, visto que não há prova que possibilite ações do órgão contra a Celesc.

Assessoria de Imprensa PMBV

Quinta, 14 de fevereiro de 2019
Sine de Navegantes oferece vagas de emprego
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros