domingo, 18 de agosto de 2019
04/02/2019 - 10:28

FIESC busca parcerias na Europa para educação profissional e formação de professores

Entidade conclui missão à Inglaterra, Itália e França, executivos da Federação para discutir parcerias com universidades e ampliação da oferta de ensino profissionalizante e de capacitação para docentes

Educação profissional para a nova economia e formação de professores estão no foco das parcerias que a FIESC busca na Europa. Na Universidade de Bologna, o superintendente do SESI e diretor-regional do SENAI, Fabrizio Machado Pereira, e o diretor de operações do SESI e do SENAI, João Roberto Lorenzett, discutiram nesta semana oportunidades para projetos de educação profissional conjuntos. ?O foco será principalmente as tecnologias de informação e comunicação avançadas para a indústria 4.0. Também estamos alinhando a participação de formadores do SENAI SC em workshops presenciais e cursos em formato e-learning?, adiantou Pereira.

Em parceria com a Fondazione Istituto Tecnico Superiore Tecnologie Industrie Creative (Fundação do Instituto Técnico Superior e Tecnologia da Indústria Criativa), a FIESC discutiu a criação de um curso de pós-graduação lato sensu para estudantes brasileiros ligados à indústria, na área de TIC, com certificação internacional. ?Também estudamos a possibilidade de intercâmbio de professores e estudantes em cursos regulares específicos nas faculdades SENAI e da fundação italiana?, relata Lorenzett.

Em Turim, o grupo visitou o Centro Internacional de Formação, construído pela Organização Internacional do Trabalho e o governo italiano, e tratou de acordos para educação profissional para o trabalho, saúde, segurança do trabalhador, empregabilidade, inclusão e apoio ao industrial. ?O instituto é referência em matéria de formação de alto nível para o mundo do trabalho. A formação é ministrada em Turim, nos países de origem dos participantes nos cursos ou a distância?, detalha o superintendente.

Missão se encerra com visita à POLI. Design

Com o intuito de realizar evento focado na metodologia DDI (Design Driven Innovation, na sigla em inglês), os executivos da FIESC reuniram-se com professores da POLI.Design, escola politécnica de Milão. O método prevê o desenvolvimento de produtos e serviços baseado no significado deles para seus usuários e na experiência que esses produtos proporcionarão. A escola estabelece parcerias com universidades, outras escolas, instituições e empresas de diversos países.

anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros