terça, 13 de novembro de 2018
07/11/2018 - 17:44

Agentes de endemias realizam levantamento do índice de infestação por Aedes aegypti em Itajaí

Ação começou na segunda-feira (5) e segue até a próxima sexta-feira (9) em todos os bairros

Agentes de combate a endemias do município iniciaram nesta segunda-feira (5) o Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de Itajaí. Os profissionais estão visitando todos os bairros do município até sexta-feira (9) para identificar os locais com maior concentração de focos do mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus. O LIRAa também é fundamental para orientar as ações de controle do vetor na cidade, possibilitando o direcionamento das atividades para áreas mais críticas.

Ao todo, estão participando da ação 40 agentes de endemias capacitados, com apoio de três veículos e seis motos. Além de verificar os locais com maior número de criadouros para reprodução do Aedes aegypti, o levantamento possibilita a identificação dos recipientes com água parada que são mais utilizados pelo mosquito para depositar ovos. Este é o segundo levantamento rápido realizado no município em 2018.

?Essa ação irá proporcionar informações qualificadas para futuras atuações que teremos em relação ao combate da dengue, bem como nos permite avaliar o resultado das ações realizadas. Nosso objetivo é diminuir o índice de infestação do Aedes aegypti do município, pois no último LIRAa, realizado em abril desde ano, a situação era de alto risco?, explica o coordenador do Programa de Controle da Dengue, Lúcio Vieira.

Vieira ressalta que neste levantamento os agentes não irão visitar todos imóveis do município. ?Por isso, é de suma importância que a população colabore com a ação, liberando a entrada do agente em sua casa?, salienta.

Como é feito o levantamento:

O município é dividido em grupos de nove mil a 12 mil imóveis com características semelhantes. Em cada grupo, também chamado estrato, são pesquisados 450 imóveis. Os estratos com índices de infestação predial podem apontar as seguintes informações:

? Inferiores a 1%: estão em condições satisfatórias.
? De 1% a 3,9%: estão em situação de alerta.
? Superior a 4%: há risco de surto de dengue.

Terça, 13 de novembro de 2018
Roberto Leal fará show em Porto Belo
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros