quinta, 20 de junho de 2019
21/09/2018 - 08:49

Marcílio estreia sábado no Campeonato Catarinense Feminino

A equipe de futebol feminino do Marcílio Dias estreia no Campeonato Catarinense neste sábado (22) contra a AE Kindermann, às 15h, na cidade de Caçador. Será a primeira vez que um clube da região participa da competição. Este é o primeiro ano da equipe feminina do Marinheiro, que funciona em parceria com a Fundação Municipal de Esporte e Lazer - FMEL, de Itajaí. Os superintendentes Julcemar Ferreira e Giovani Prateat viabilizaram a participação do clube na competição.

O Campeonato Catarinense Feminino terá quatro equipes que se enfrentam em turno e returno. Além de Marcílio e Kindermann, Chapecoense e Criciúma também disputam o título e se enfrentam no domingo de manhã. O torneio dá ao campeão uma vaga para o Brasileiro A-2 em 2019, equivalente a segunda divisão nacional. ?Neste primeiro ano, o intuito é adquirir experiência para os próximos campeonatos já que as outras equipes possuem muito mais tradição e investimento no futebol feminino?, explica Ailton Belizario, treinador do Marcílio Dias/FMEL.

Segundo Ailton, mais de 80% das meninas moram ou são de Itajaí, tendo somente duas que vieram de São José, além de cinco atletas emprestadas da Fundação Municipal de Esportes de Balneário Camboriú - FME. O perfil das atletas varia, algumas estudam e treinam, outras trabalham e treinam, mas todas têm muita dedicação e vontade de crescer no esporte. Estão inscritas no campeonato 23 jogadoras, sem limite de idade. As duas mais jovens têm 17 anos e a mais experiente tem 27 anos. As atletas recebem bolsa mensalmente da FMEL.

Apesar de serem 23 jogadoras inscritas no estadual, atualmente mais de 40 meninas estão treinando pelo Marcílio Dias/FMEL em duas categorias, Sub17 e Adulto. Os treinamentos acontecem às segundas, quartas e sábados no período da tarde. Nas terças e quintas, as atletas treinam na academia. Ailton faz o convite as meninas interessadas em jogar futebol pelo Marcílio que entrem em contato com a FMEL pelo telefone (47) 3348-1473.

Para Ailton, com as novas orientações da CBF, que vai obrigar os clubes de futebol a terem equipes femininas nos próximos anos, o esporte para as mulheres vai crescer muito. Ele conta que na região o futebol feminino é muito praticado, mas sofre com a falta de estrutura e apoio. ?Para mim isso também é futebol, futebol não tem sexo, todos têm o direito de praticar?, conclui.

Quarta, 19 de junho de 2019
PM cumpre mandado de prisão em Itapema
Quarta, 19 de junho de 2019
Sine de Navegantes com vagas de emprego
Terça, 18 de junho de 2019
Navegantes no feriado de Corpus Christi
Terça, 18 de junho de 2019
BOMBINHAS: PIRÃO CULTURAL DE JUNHO
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros