quarta, 19 de junho de 2019
11/09/2018 - 10:14

As eleições e os perigos da atuação dos robôs, ou bots, nas redes sociais

Hacker do bem ensina como identificar perfis suspeitos

Com as campanhas eleitorais cada vez mais aquecidas e face aos últimos acontecimentos, como o ocorrido ao candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, é importante ficar atento às postagens e comentários nas redes sociais. Afinal, nem tudo que foi postado, compartilhado e comentado é verdade. Nestes canais de comunicação, há a atuação de robôs, também chamados de bots.

 

Como é a atuação dos robôs ou bots

Estes robôs são programas conectados na Internet com a finalidade de postar, curtir, compartilhar e seguir, simulando interações de pessoas reais. Podem compartilhar e postar conteúdo viral para atrair seguidores e curtidas, assim como curtir e seguir contas para que as pessoas os sigam de volta. Uma postagem pode ganhar popularidade pela atuação de um bot, que a impulsiona imitando os movimentos virais de curtir, comentar e compartilhar. Além disso, os mais maléficos podem denunciar contas de pessoas que utilizam corretamente as redes sociais, para que estas sejam suspensas.

 

Os robôs e as eleições

Em tempos de eleições, os bots podem ajudar na viralização de post de propaganda, de fake news ou mesmo fazer difamações ao curtir, comentar e compartilhar postagens. E ação vai além, uma vez estes que podem influenciar na popularidade de um candidato, trazendo mais seguidores quando curtem e seguem outras pessoas.

 

Para evitar problemas, Fernando Azevedo, sócio da empresa de reputação online Silicon Minds, defende que ?a população deve se conscientizar de que robôs existem e são atuantes. Já os candidatos e suas equipes de comunicação devem ficar atentos para detectar contas suspeitas, fake news, difamação e calúnia nas redes sociais o mais rápido possível, e avisar à imprensa e o TSE. Também podem pedir aos seus eleitores que reportem às redes postagens com similar conteúdo?.

 

Vale ressaltar que difamação, calúnia e fake news podem gerar um grande escândalo, não importa se feitas por robôs ou contas anônimas criadas manualmente por pessoas.

 

Identificando robôs nas redes sociais

Segundo o especialista, ?o Facebook e o Twitter estão trabalhando na detecção destas contas e ações realizadas por estas?. Geralmente, estes perfis são provenientes do mesmo IP e/ ou originados de endereços de emails temporários, ficam ativas 24/7 (vinte e quatro horas por dia/ sete dias por semana), repetem os comentários incessantemente, curtem e seguem pessoas que interagem com determinadas contas e podem fazer posts programados todos os dias sobre um único assunto.

 

Para ajudar a identificar perfis suspeitos, Azevedo preparou um passo a passo:

1) Verifique se o nome de conta tem nome de pessoa ou empresa que pareça ser séria.

Robôs usam números e símbolos para registrar nomes de usuários ainda não existentes, por exemplo ?Azevedo49524?;

2) Pesquise se é conta recente;

3) Analise se tem site, descrição, foto pessoal e outros dados e informações que uma pessoa teria o tempo e cuidado para colocar no perfil;

4) Se a conta fala de um único assunto é grande a probabilidade dela ser falsa;

5) Investigue se a conta utiliza sempre os mesmos textos nos comentários;

6) Analise se a conta fica comentando, postando e curtindo o tempo todo, inclusive em horários de pouquíssimo movimento, como as madrugadas de segunda-feira;

7) Verificar se a conta interage com a sua se você curtir ou comentar um perfil que ela parece estar tentando promover.

Terça, 18 de junho de 2019
Navegantes no feriado de Corpus Christi
Terça, 18 de junho de 2019
BOMBINHAS: PIRÃO CULTURAL DE JUNHO
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros