sábado, 20 de outubro de 2018
13/06/2018 - 10:45

Município garante recursos para manutenção da ala clínica Padre Pio no Hospital Marieta

Governo do Estado vai repassar ainda neste mês cerca de R$ 200 mil para custeio dos leitos

O Município de Itajaí garantiu recursos estaduais para manutenção de mais 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital e Maternidade Marieta Konder Bornhausen. O compromisso foi firmado pelo secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, em reunião nesta terça-feira (12), em Florianópolis. O governo estadual deve repassar cerca de R$ 200 mil mensais para manutenção da ala clínica Padre Pio ainda neste mês de junho.

?O município já repassou mais de R$ 1,2 milhão para manutenção da ala Padre Pio, que estava para fechar e é fundamental para redução dos índices de mortalidade do hospital. Solicitamos ao governador auxílio para o custeio do serviço e agora foi confirmado o repasse da verba?, explica o secretário de Saúde de Itajaí, Celso Luiz Dellagiustina, que participou do encontro nesta terça.

De acordo com Dellagiustina, na reunião também foi tratado sobre a revisão da Programação Pactuada Integrada (PPI) Hospitalar, que não é feita desde o início de 2017 e aumentará o teto financeiro do município em aproximadamente R$ 500 mil para custeio de serviços hospitalares. ?Há o compromisso do secretário estadual da Saúde em colocar isso em pauta para aprovação na próxima reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), dia 22 desse mês, para que o município possa receber esses recursos?, relata.

Outra novidade do encontro foi a apresentação da proposta de equiparação per capita na área da Oncologia para o município ? hoje, Itajaí recebe R$ 0,95 per capita mensais. Se a proposta for aprovada pela câmara técnica da CIB e, posteriormente pelos gestores municipais, a cidade passará a receber R$ 2,12 per capita mensais, um aumento de cerca de 120%.

?Com isso poderemos fazer um reequilíbrio na área da oncologia, resolvendo parte das principais demandas do município?, pontua o secretário de Saúde de Itajaí.

O Estado também informou na reunião que os recursos investidos atualmente pelos municípios no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) serão absorvidos pelo governo. A intenção é que até 2019, todas as unidades do SAMU sejam mantidas pelo Estado, permitindo que os municípios invistam esses valores em outras áreas da Saúde.

Sexta, 19 de outubro de 2018
CMEIs ganham novas camas em Itapema
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros