terça, 10 de dezembro de 2019
12/01/2011 - 00:00

Codetran divulga balanço dos acidentes de trânsito de 2010 em Itajaí

Em 2010 foram registrados 4.602 acidentes de trânsito em Itajaí (média de 12,6 acidentes por dia). O dado faz parte do primeiro balanço anual da cidade divulgado nesta quarta-feira (12) pela Codetran, através do Setor de Atendimento de Acidentes de Trânsito ? SAAT. A boa notícia é a diminuição do número de acidentes fatais, em relação ao primeiro semestre, que caiu 8%, passando de 14 para 12 mortes.

 

Essa queda no número de acidentes fatais é resultado do trabalho constante realizado pela Codetran na orientação, prevenção e policiamento do trânsito. ?O balanço dos acidentes de trânsito feito pela Codetran no primeiro semestre de 2010 nos ajudou a traçar de forma mais objetiva as ações do segundo semestre. Agora, com o balanço anual, nossa meta é reduzir outros índices como o número de acidentes?, fala o Coordenador de Trânsito, José Alvercino Ferreira.

 

O número de acidentes aumentou no segundo semestre do ano em relação ao primeiro, passando de 2.209 para 2.393. O aumento pode estar relacionado ao crescimento de 10,4% na frota de veículos. No primeiro semestre foram emplacados 3.543 veículos novos e no segundo semestre 4.372, totalizando uma frota de 111.726 veículos registrados em Itajaí.

 

O número de acidentes sem vítimas aumentou 2%, com vítimas aumentou 12% e com vítimas fatais diminuiu 8% em comparação entre os dois semestres de 2010. No total 8.606 pessoas se envolveram em acidentes, destas 55% tem idades entre 18 e 40 anos.

 

Os automóveis lideram o índice de veículos envolvidos em acidentes, estando em 55% dos casos seguido pela motocicleta com 21% e pelos caminhões 13%. ?Precisamos ressaltar que os acidentes com motocicletas são os mais violentos, e os principais causadores de mortes no trânsito? fala José Alvercino Ferreira?.

 

As vias que mais ocorrem acidentes são Av. Reinaldo Schmithausen que registrou seis óbitos, Av. Adolfo Konder com três óbitos, Av. Abrahãao João Francisco com três óbitos e Rua Agílio Cunha. ?Na Reinaldo Schmithausen nossa meta é implantar uma faixa exclusiva para veículos pesados, implantar mais redutores de velocidade e estudar a mudança das rotatórias. Na Adolfo Konder após implantados os semáforos não houveram mais vítimas fatais assim como na Agílio Cunha com a colocação de ciclovias e lombadas eletrônicas. Já na Contorno Sul os acidentes diminuíram com a nossa fiscalização eletrônica, com blitz constantes e com a instalação de lombadas e semáforos? explica José Alvercino.

Segunda, 09 de dezembro de 2019
Combate à corrupção
Segunda, 09 de dezembro de 2019
Governador Celso Ramos
Segunda, 09 de dezembro de 2019
Divisão
Segunda, 09 de dezembro de 2019
Enroscos
Segunda, 09 de dezembro de 2019
Especialidades
Segunda, 09 de dezembro de 2019
Novidade, retorno e continuidade
Sexta, 06 de dezembro de 2019
Vagas de emprego no Sine Itajai
Sexta, 06 de dezembro de 2019
PM prende homem por furto em BC
Sexta, 06 de dezembro de 2019
Vagas de empregos no SINE Itajaí
Quinta, 05 de dezembro de 2019
Novo presidente
Quinta, 05 de dezembro de 2019
Orçamento
anuncie no Jornal | comunicar erro | fale conosco
Todos os direitos reservados - 2009-2015 Jornal dos Bairros